Investindo na sua alimentação

Investindo na sua alimentação

Atualizado: Quarta-feira, 6 Agosto de 2008 as 12

A melhor pessoa para investir em você, é você mesmo e, quando se trata da alimentação, isso se torna evidente, pois suas boas ou más escolhas se refletem em sua saúde. E preciso entender que a alimentação é tão importante quanto o seu trabalho ou estudo, afinal de contas, sem ela, é impossível fazer bem ambas as coisas.

Investir na saúde começa com atitudes simples como planejar o seu dia de alimentação, como você planeja suas atividades diárias, ou seja, dentro da sua rotina, incluir os horários das suas refeições, ao invés de sair de casa em jejum, almoçar quando possível ou comer um lanche rápido e jantar tarde da noite, quando chega a casa.

Esse tipo de alimentação está claramente relacionado ao desenvolvimento de obesidade e de doenças relacionadas. Outra maneira de investir na sua alimentação está na escolha de alimentos que tenham potencial de prevenir e tratar doenças, além de nutrirem o corpo.

Alimentos como a linhaça, azeite, atum e salmão são ricos em gordura saudável e estão relacionados ao controle do colesterol. As castanhas são ricas em selênio, mineral antioxidante que atua no equilíbrio da função da glândula tireóide e do sistema de defesa do organismo. Abóbora, cenoura, mamão, manga, damasco, uva, soja, espinafre, couve, tomate, alho e cebola contêm antioxidantes que previnem o envelhecimento precoce, doenças cardiovasculares e alguns tipos de cânceres. Escolha bem o que vai oferecer ao seu corpo e viva mais e melhor.

Antigamente, acreditava-se que criança saudável era criança gorda, o que importava era a quantidade de comida que ela comia. Hoje, entretanto, sabe-se dos riscos do excesso na alimentação para o desenvolvimento da obesidade infantil e adulta. Sendo levado em conta mais a qualidade do que se come.

*Imagem ilustrativa.

veja também