Mais de 30% das mulheres terão osteoporose após a menopausa

Mais de 30% das mulheres terão osteoporose

Atualizado: Segunda-feira, 29 Outubro de 2012 as 9:13

 

 

Associação Brasileira de Avaliação Óssea Osteometabolismo (Abrasso), divulgou um estudo que indica que: uma em cada três brasileiras vai desenvolver osteoporose, doença que enfraquece os ossos, após a menopausa.

Após o dia Mundial de Combate à Osteoporose, médicos alertaram que apesar do alto nível de mulheres com a doença, apenas 39% das mulheres com mais de 45 anos já fizeram algum exame para detectar a doença.

Médicos reforçam que osteoporose é um inimigo silencioso, da mesma forma que mulheres sentem dor, as articulações fracas, algumas mulheres não sentem nada.

Dez dicas para prevenir a Osteoporose:

1.    Evite quedas e acidentes domésticos

As quedas e pequenos acidentes em casa podem deflagrar fraturas sérias em pessoas que estão em processo de tratamento da osteoporose. Para evitar essas ocorrências, uma das dicas é conferir a graduação das lentes dos óculos. Além disso, é importante melhorar o equilíbrio com exercícios; tomar cuidado com uso de medicamentos que possam causar tonturas ou mexer com o labirinto; evitar objetos que facilitem quedas ou escorregões (tapetes, pisos encerados, etc); usar bengala, caso sinta falta de equilíbrio; ter atenção ao subir escadas – preferir as que têm corrimão – e evitar carregar objetos pesados.

2.    Evite o sedentarismo

Faça exercícios físicos e estimule a família a fazer o mesmo, principalmente os mais jovens. Mas, atenção para não fazer atividades físicas inadequadas às condições físicas. Antes de optar por uma prática, procure um médico para realizar uma avaliação completa.

3.    Alimente-se de maneira correta

Privilegie uma dieta equilibrada e rica em laticínios, peixe, vegetais verdes, legumes, frutas. Não faça dieta para emagrecimento sem orientação médica e evite o excesso de café e refrigerantes a base de cola.

4.    Tome sol!

Exponha-se ao sol no início da manhã ou final da tarde, por um período de 15 a 30 minutos.

5.    Não fume!

O cigarro acelera a perda da massa óssea.

6.    Evite bebidas alcoólicas!

A ingestão excessiva de álcool acelera a perda da massa óssea.

7.    Faça exames

A partir dos 40 anos, realize a densitometria óssea anualmente. Esse exame mede a massa óssea.

8.     Procure orientação médica

Na menopausa, converse com o ginecologista, ou especialista em osteoporose, sobre a necessidade de suplementação hormonal, cálcio e vitamina D.

9.    Atenção com medicamentos de uso contínuo

Caso você faça uso de medicamentos que estimulem o aparecimento de osteoporose – corticóide, anticoagulantes, hormônio tireoideano, antiácidos, anticonvulsivantes, entre outros – converse com o médico sobre a necessidade de um tratamento preventivo. Uma das indicações é a suplementação oral de cálcio e vitamina D.

10.  Estimule a amamentação com leite materno

A ingestão de leite materno garantirá melhor massa óssea no futuro.

 

Com informações de Correio do Estado

veja também