Médico não é monstro

Médico não é monstro

Atualizado: Quinta-feira, 24 Março de 2011 as 10:01

Injeção, hospital, exame de sangue… Muita gente treme só de lembrar. Diante de uma agulha, então, surge o medo. Se esse tipo de reação ultrapassa os limites e impede de cuidar direito da saúde, então é uma forma de fobia. E toda fobia merece atenção.

Contração muscular

Quando bater uma percepção de desmaio iminente, contraia os músculos das pernas, dos braços e do tronco até sentir um aquecimento local. Relaxe, mas não totalmente. Repita esse movimento cinco vezes. Ele ajuda a garantir a consciência e o domínio do corpo.

Pensamento sob controle

Raciocine sobre a condição que o aterroriza, evitando antecipar, na mente, qualquer tipo de catástrofe. A perda de sangue proveniente de um corte não representa risco de morte. E os profissionais de saúde sabem como minimizar dores durante os procedimentos.

Respiração em compasso

Inspire lentamente, de maneira que o abdômen fique inflado e o tórax se movimente. Expire devagar, fazendo com que eles se movam novamente, no sentido do esvaziamento. Essa técnica auxilia no controle da ansiedade.

veja também