Médicos usam luz, som e cheiro para tratar Mal de Alzheimer

Médicos usam luz, som e cheiro para tratar Mal de Alzheimer

Atualizado: Quarta-feira, 30 Março de 2011 as 9:33

Em Barcelona, na Espanha, médicos desenvolveram um tratamento pioneiro do Alzheimer, ao qual chamaram "tratamento multi-sensorial", que se aplica em doentes que já estão em uma fase avançada da doença.

O tratamento consiste em estimular os sentidos da doente com luzes, cores, cheiros ou sons, para conseguir que durante uns instantes associe o que sente no presente à suas lembranças do passado.

O tratamento não freia o avanço do mal, mas consegue que durante o tempo que dura a sessão, alguns comportamentos típicos do Alzheimer desapareçam. Também permite aos doentes e a suas famílias viver momentos muito emotivos.  

veja também