Melões americanos foram contaminados durante a embalagem

Melões americanos foram contaminados durante a embalagem

Atualizado: Sexta-feira, 21 Outubro de 2011 as 10:32

Até agora, 25 pessoas morreram nos EUA, desde julho, em consequência da infecção pela bactéria listeria.

Investigadores do governo americano encontraram equipamentos contaminados no setor de embalagem da fazenda Jensen, no Colorado, onde foram produzidos os melões.

Os equipamentos foram comprados em julho, o mesmo mês em que o surto começou. As máquinas estavam sujas e com sinais de corrosão e foram usadas previamente para lavar e secar batatas. Segundo o relatório da agência americana, a listeria pode ter chegado ao equipamento por causa de seu uso anterior.

A contaminação não seria problema no caso da batata, que quase nunca é consumida crua. O cozimento mata a bactéria.

Melões à venda em Denver, nos EUA; surto causou recall de 300 mil caixas da fruta. Foto: Ed Andrieski/Associated Press

O CDC (Centro para Controle e Prevenção de Doenças dos EUA) informa que 123 pessoas foram contaminadas no surto, incluindo as 25 que morreram. É o pior surto conhecido de doenças transmitidas por alimentos nos EUA desde 1985.

Os melões contaminados foram recolhidos do mercado americano em setembro, mas o número de doentes pode continuar a crescer, uma vez que sintomas de listeriose podem levar até dois meses para aparecer. Barbara Mahon, do CDC, disse que os casos de contaminação atingiram o pico de meados de agosto a setembro, mas que o governo vai continuar a acompanhar a situação por pelo menos mais duas semanas.

veja também