Ministério da Saúde alerta sobre consumo de Sal

Ministério da Saúde alerta sobre consumo de Sal

Atualizado: Quarta-feira, 7 Novembro de 2012 as 9:28

 

O Sal é um tipo de tempero ou condimento utilizado por toda a população mundial há séculos. Serve para conservar os alimentos que não tem acesso a refrigeração e a dar aquele toque salgadinho ao alimento.

O ministério da Saúde alertou nesta terça que o consumo abusivo de Sal de cozinha pode causar problemas à saúde. Principalmente pelo excesso de um dos seus principais componentes, o sódio, que está diretamente ligado ao desenvolvimento da hipertensão.

Além de causar doenças cardiovasculares traz problemas renais e outros que estão entre as primeiras causas de internações e óbitos. O sódio é responsável pela regulação da quantidade de líquidos que ficam dentro e fora das células.

O Ministério da Saúde explica que, quando há excesso do nutriente no sangue, ocorre uma alteração no equilíbrio entre esses líquidos. O organismo retém mais água, o que aumenta o volume de líquido, sobrecarregando coração e rins.

A pressão alta prejudica a flexibilidade das artérias e ataca os vasos, coração, rins e cérebro. Dados do Ministério revelam que 22,7% dos brasileiros já receberam diagnóstico de hipertensão.

A Organização Mundial de Saúde recomenda que o consumo máximo diário de sal seja de menos de 5 gramas por pessoa, quantidade que existe nos próprios alimentos. Porém, o IBGE revela que o consumo do brasileiro está em 12 gramas diários.

Com informações de A Região

veja também