Novo teste detecta pneumonia em minutos

Novo teste detecta pneumonia em minutos

Atualizado: Quinta-feira, 16 Dezembro de 2010 as 8:20

Pesquisadores da Universidade da Geórgia desenvolveram uma técnica capaz de diagnosticar um tipo de pneumonia em minutos. Os testes já existentes podem demorar dias para dar o mesmo resultado.

Utilizando uma plataforma recém-desenvolvida baseada em nanotecnologia, os pesquisadores detectaram com 97% de precisão a pneumonia por micoplasma, transmitida por secreções respiratórias, e considerada mais leve. Ela varia de uma infecção sem sintomas até uma pneumonia grave, com período de incubação de uma a três semanas.

Os sintomas mais comuns são: dor de cabeça, febre, dor de garganta e tosse, além de lesões.

Duncan Krause, autor do estudo e professor do Departamento de Microbiologia, comemora o resultado.

- Se você pode fazer uma identificação positiva de um teste em 10 minutos, em seguida, os antibióticos adequados podem ser prescritos, limitando tanto os efeitos da doença no paciente e a probabilidade de que a doença vai se espalhar para os outros.

Krause concordou que a infecções causadas por este tipo de pneumonia são muito comuns, mas difíceis de diagnosticar.

A bactéria é a principal causa de doenças respiratórias nos seres humanos e as principais causas de pneumonia em crianças mais velhas e adultos jovens.

- O vírus pode persistir por semanas e até meses, e pode causar danos permanentes aos pulmões, se não diagnosticada e tratada prontamente. Atraso no diagnóstico se estende a probabilidade de complicações, bem como a transmissão continuada da infecção a outras pessoas.

Krause espera que os esforços combinados dos especialistas em pesquisa em nanotecnologia e doenças infecciosas sejam capazes de determinar se a técnica é eficaz na detecção de outras doenças.

veja também