O que fazer se você esteve em contato com alguém com gripe suína?

O que fazer se você esteve em contato com alguém com gripe suína?

Atualizado: Quinta-feira, 20 Agosto de 2009 as 12

Os portadores do vírus H1N1, causador da gripe suína, podem contagiar outras pessoas do dia anterior ao do início dos sintomas até aproximadamente os sete dias seguintes; ou até terem terminado de tomar o medicamento (antiviral), se tiver sido prescrito.

O contágio pode acontecer por meio das gotas de saliva que o doente expelir ao tossir ou espirrar.

Se você teve contato próximo (como no caso de casais e outros familiares, colegas de trabalho e amigos) ou compartilhou utensílios como garfos, colheres e copos com uma pessoa doente, siga os seguintes conselhos.

Passos

1. Consulte imediatamente um profissional especializado para saber se você deve tomar um antiviral como medida profilática. Esta medicação reduz o risco de que o vírus deixe você doente.

2. Já está definido que devem tomar antivirais:

a.crianças com menos de 5 anos e adultos com mais de 65;

b.grávidas;

c.pessoas com doenças crônicas: pulmonares (asma, doença pulmonar construtiva crônica - DPOC), cardiovasculares (não quem tem apenas pressão alta), renais, hepáticas, do sangue, neurológicas ou metabólicas (diabetes);

d.pessoas com o sistema imunológico deprimido por medicamentos ou doenças, como os portadores do vírus HIV;

e.menores de 19 anos que recebam tratamento permanente com aspirina;

f.quem mora em lugares fechados, como casas para idosos.

3. O medicamento deve ser tomado na dose prescrita e durante o período indicado (dez dias). Os antivirais utilizados para combater a gripe suína são o oseltamivir e o zanamivir.

4. Quem não está nos grupos que devem tomar antivirais como tratamento preventivo deve manter a rotina habitual, mas evitando ter contato muito próximo com outras pessoas.

5. Consulte imediatamente um médico se você apresentar os seguintes sintomas: febre alta (acima de 38ºC) acompanhada de dores musculares, tosse, dor de cabeça, dor de garganta e, o que é mais raro, coriza, diarreia ou vômitos.

Importante

Para evitar o contágio:

Lave as mãos frequentemente com água e sabão (use água quente e esfregue durante 15 a 20 segundos) ou álcool em gel (sem água, esfregue até as mãos ficarem secas). Evite ir a eventos sociais com grande número de pessoas. Evite permanecer em lugares fechados e com muita gente. Ventile os ambientes onde você estiver. Não visite pessoas doentes. Se for necessário, use máscaras de proteção respiratória. Postado por: Felipe Pinheiro

veja também