Ociosidade faz bem à saúde

Ociosidade faz bem à saúde

Atualizado: Sexta-feira, 5 Fevereiro de 2010 as 12

No title É o título do livro do sociólogo italiano Domenico De Masi, que demonstra sua insatisfação com o modelo centrado na idolatria do trabalho. Assim, o processo produtivo pode passar por outras esferas, como o lazer, a convivência e a internet. Permitir que a mente vague, sem necessariamente pelo caminho do trabalho, pode trazer elementos novos ao trabalho. Muitos publicitários ou escritores, por exemplo, dizem que suas melhores ideias surgem quando não estão tentando pensar no trabalho em si.

A internet pode ter um papel fundamental nisso atualmente, segundo a psicóloga Luciana Ruffo, do Núcleo de Pesquisa da Psicologia em Informática da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP). "Antes, quando não se tinha nada para fazer, ia para frente da TV. Hoje vai para o computador." Para ela, a internet propicia uma imensidão de dados e fontes de inspiração, sejam elas importantes ou não. "São outras formas de olhar o mundo."

Por Rosana Ferreira

veja também