Para diabético cardíaco, cirurgia é melhor que stent medicamentoso

Para diabético cardíaco, cirurgia é melhor que stent medicamentoso

Atualizado: Sexta-feira, 9 Novembro de 2012 as 10:04

 

Pesquisa multicêntrica foi divulgada na segunda-feira (5), em congresso amerciano, com publicação simultânea no News England Journal of Medicine. É a primeira vez no mundo que um estudo responde a essa pergunta crucial sobre a melhor intervenção para o diabético cardíaco, que chegam a somar 9 milhões de pessoas, só no Brasil.

Em busca da resposta central da pesquisa (cirurgia ou angioplastia com stent medicamentoso), o Freedom estudou ao longo de cinco anos a evolução de 1900 pacientes diabéticos cardíacos com obstrução em três artérias coronárias principais. Essa situação caracteriza o estágio avançado da doença coronária, fase em que é preciso ter intervenção cirúrgica.

O Freedom concluiu que para esses tipos de paciente, a cirurgia é a melhor alternativa do que angioplastia com implante de stent recoberto com medicamento.

Um grupo de 140 centros cardiológicos nas Américas e na Europa participou do Estudo coordenado pelos pesquisadores do Mount School of Medicine, Nova York. O Incor contribuiu o estudo com 200 pacientes desse total, sendo o centro que mais colaborou com dados para a conclusão do Freedom.

veja também