Perda de peso na meia-idade diminui riscos para o coração

Perda de peso na meia-idade diminui riscos para o coração

Atualizado: Terça-feira, 1 Novembro de 2011 as 9:36

Uma equipe de cientistas da faculdade de medicina de Harvard e de outros locais pesquisaram dados do Harvard Alumni Health Study --estudo que foca os efeitos dos exercícios sobre doenças da artéria coronária, derrames, diabetes, entre outros-- que acompanhou informações de saúde de homens que entraram na Universidade Harvard como calouros entre 1916 e 1950.

Em seguida, os pesquisadores reuniram dados de 19 mil graduados de décadas mais recentes e observaram seus hábitos, o histórico de risco de doenças cardíacas, o IMC (índice de massa corporal), entre outros fatores de saúde.

Os pesquisadores descobriram que o risco dos homens que eram obesos quando calouros morrerem de doenças cardíacas era quase duas vezes maior do que para aqueles cujo peso era normal na época.

Ao considerar o peso dos voluntários na meia-idade, os pesquisadores descobriram que os homens que no início da faculdade estavam com sobrepeso ou obesos não corriam risco alto de morte por doenças cardíacas caso tivessem peso normal na meia-idade.

"Isso não significa que não seja nocivo ser gordo quando se é jovem", afirma o doutor I-Min Lee, professor adjunto de medicina de Harvard e um dos autores do estudo. Segundo ele, é o ganho de peso em uma idade mais avançada que "conduz a morte por doenças cardíacas".

O estudo apareceu na última segunda-feira (24) na revista "Archives of Internal Medicine".

veja também