MENU

Saúde

Pesquisa diz que antioxidantes em excesso são prejudiciais à saúde

Pesquisa diz que antioxidantes em excesso são prejudiciais à saúde

Fonte: Atualizado: sábado, 29 de março de 2014 03:27

A quantidade de informações e o número de pesquisas sobre como se alimentar corretamente gera muitas vezes mais dúvidas do que aponta caminhos práticos para mudança de hábitos no dia a dia. Mas, cada vez mais, sabe-se que o caminho do equilíbrio é o mais indicado.

E a recomendação de consumir tudo moderadamente chega até mesmo a grupos de alimentos indicados como fundamentais para manutenção da boa saúde. Pesquisa divulgada pela Universidade de Kansas, nos Estados Unidos, e publicada pelo Journal of Applied Physiology, diz que o consumo de alimentos que contêm boas quantidades de antioxidantes pode ter efeitos nocivos a longo prazo.

O grupo de substâncias formado por vitaminas, minerais, pigmentos naturais e outros compostos vegetais e enzimas são reconhecidos pelos cientistas por bloquear o efeito danoso dos radicais livres, que aceleram o processo de envelhecimento das células do corpo, e por ajudar a evitar doenças do coração e o câncer.

O que aponta a pesquisa, feita com animais que receberam diferentes doses dessas substâncias, é que altas doses causam na verdade enfraquecimento muscular em pessoas mais velhas. Isso porque o consumo excessivo de uma substância altera o equilíbrio dos nutrientes no corpo. "Muitas pessoas não percebem que a quantidade de antioxidantes e pro-oxidantes é muito delicada. E pensam que terão algum tipo de resultado positivo, quando podem conquistar um problema mais sério", disse o pesquisador Steven Copp.

A pesquisa verificou que consumir antioxidantes em excesso diminui a quantidade de substâncias vasodilatadoras que ajudam a manter a saúde de artérias e veias. Isso faz com que os músculos não recebam a quantidade necessária de oxigênio, deixando-os rígidos e doloridos, principalmente durante a realização de exercícios.

O estudo sugere ter cautela na prescrição de uma alimentação carregada de antioxidantes e lembra que muitos itens fornecem quantidades superiores de nutrientes às recomendadas diariamente.

Por exemplo, uma porção de batata-doce fornece quatro vezes a quantidade recomendada de vitamina A diária. O mesmo vale para o brócolis, cuja porção oferece mais que o dobro da quantidade de vitamina K recomendada para consumo adulto diariamente.

Por Michelle Achkar

Siga-nos

Mais do Guiame

O Guiame utiliza cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência acordo com a nossa Politica de privacidade e, ao continuar navegando você concorda com essas condições