Pesquisa diz que bolsa feminina tem mais micróbios que vaso sanitário.

Bolsa feminina é igual a vaso sanitário, aponta pesquisa

Atualizado: Quarta-feira, 29 Maio de 2013 as 3:50

 

Quanto maior a bolsa, maior a quantidade de produtos as mulheres iram carregar. Estudo britanico realizado pela  empresa Initial Washroom Hygiene, do Reino Unido, apontou que a as bolsas femininas têm mais micróbios que a maioria dos vasos sanitários.
 
"As mulheres colocam a bolsa em tudo que é lugar. Pegam na bolsa o tempo todo e ficam passando micróbios da mão para a bolsa. E ninguém passa água sanitária na bolsa", diz o professor do Instituto de Microbiologia da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), Maulori Cabral
 
O estudo aponto que creme de mãos, batons e estojos de maquiagem são os itens mais sujos que elas carregam. Segundo Cabral os batons, sozinhos, já têm agentes antimicrobianos. O mesmo ocorre em relação ao creme para mãos. Já os frascos que contêm o creme estão a todo momento sendo segurados pelas mãos femininas.
 
 Segundo pesquisa, bolsa feminina tem mais microbios que vaso sanitário.Todo bicho vivo que você conhecer tem uma população de micróbios associada ao próprio corpo. Cada pessoa tem as suas populações bacterianas. Esse conjunto de populações bacterianas que está associada ao corpo denomina-se microbiota", esclarece ele que quando a pessoa segura um objeto, ela tranfere parte do microbio
para o batom.
 
A microbiota faz parte da evolução dos seres vivos. Cada pessoa carrega cerca de 100 trilhões de bactérias. O corpo adulto é formado por 10 trilhões de células que são descendentes da fecundação, ou seja, da nossa origem embrionária. Quando a criatura nasce, se contamina com bactérias, inclusive da própria mãe e, quando fica adulta, carrega dez vezes mais bactérias do que células embrionárias. De acordo com o especialista, quando você encosta em uma coisa, passa para ela seus micróbios.
 
Na avaliação do virologista, lavar as mãos de forma frequente não reduz o número de bactérias presentes nas bolsas das mulheres. O que precisa é lavar as mãos sempre antes das refeições e depois de ir ao banheiro.
 
Segundo ele, fantasiar micróbios como algo maléfico é absurdo. Embora sejam invisíveis, os micróbios são os seres mais poderosos do planeta, avaliou o professor da UFRJ. 
 
 
Com informações de: Zero Hora

veja também