MENU

Saúde

Pimenta malagueta aumenta a longevidade

Fonte: guiame.com.brAtualizado: sábado, 31 de maio de 2014 09:01
pimenta
pimenta

Uma pesquisa realizada por um grupo de cientistas da Universidade da Califórnia, dizem que, incluir na rotina alimentar curry e pimenta malagueta, podem garantir viver por mais tempo.

Segundo eles, bloquear a capacidade do corpo para se sentir dor aumenta a longevidade. E quanto menos dor o corpo sente ao longo da vida, mais tempo de vida ganhará, pois comer regularmente seria uma maneira de "desligar a dor".

pimenta malaguetaPara chegar a essa conclusao, foram feitos experiência culinária em animais do laboratório que, pós ingerirem comida picante, não emitiam mais sinais de dor para o cérebro, o que estendeu a vida útil.

"Os ratos que não precisaram recorrer à produção de proteína de detecção de dor chamada "TRPV1" tiveram vida longa excepcional. E não apenas viveram 14% além das expectativas, como eram mais saudáveis que os outros que não passaram pelo teste", ressaltou o pesquisador Andrew Dillin responsável pela pesquisa.

Outro detalhe, é que eles desenvolveram câncer com menos frequência, e perderam menos a memória com o passar do tempo. Além disso, eram capazes de queimar calorias sem fazer mais exercício do que o habitual. Também processavam o açúcar de forma mais rápida, o que poderia reduzir os ricos de diabetes.

"Acreditamos que o bloqueio do receptor de dor é o caminho que nos mostrará como aliviar a dor, e melhorar a saúde metabólica, em especial para tratar pacientes obesos e diabéticos", enfatiza Dillin. O professor diz que comer regularmente a capsaicina (composto encontrado nas pimentas), faz com que o "TRPV1" pare de trabalhar, o que previne o declínio metabólico.

 


Com informações de: O globo

 

 

Siga-nos

Mais do Guiame

O Guiame utiliza cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência acordo com a nossa Politica de privacidade e, ao continuar navegando você concorda com essas condições