Época de temporais exige cuidados com a saúde

Época de temporais exige cuidados com a saúde

Atualizado: Terça-feira, 7 Dezembro de 2010 as 9:05

A Secretaria de Saúde do Estado de São Paulo elaborou dicas que podem ajudar a população a evitar doenças causadas pelo contato com água e lama infectadas pelas enchentes. Ao longo de seu caminho, as cheias agregam resíduos e microorganismos de várias origens, por isso são perigosas para a saúde de quem está em contato com elas.

É fundamental que se evite contato com as águas infectadas. Caso seja inevitável, o ideal é permanecer o menor tempo possível. Não deixe que crianças nadem ou brinquem no resultado das enchentes. Além do perigo de infecções, as enxurradas também são perigosas, pois podem arrastar até adultos.

Evite manusear objetos que tenham sido atingidos pela água ou lama. As cheias podem contaminar pisos, paredes, móveis e outros objetos. Proteja os pés e as mãos com botas e luvas de borracha ou sacos plásticos duplos.

Jogue fora medicamentos e alimentos que entraram em contato com as águas da enchente, mesmo que eles estejam bem embalados. Lave as mãos antes de cozinhar ou comer. Beba sempre água potável, que não tenha tido contato algum com as enchentes, e a utilize no preparo da comida. Para garantir que a água é segura para consumo, ferva-a por pelo menos um minuto, ou adicione duas gotas de hipoclorito de sódio com concentração de 2,5%, conhecido como água sanitária, para cada litro de água.

"Esses cuidados são essenciais para que as pessoas possam se prevenir contra doenças infectocontagiosas mais incidentes na época de chuvas", afirma Maria Cristina Megid, diretora da Vigilância Sanitária Estadual.

veja também