Portadores de esquizofrenia expõem obras no Metrô Clínicas, em SP

Portadores de esquizofrenia expõem obras no Metrô Clínicas, em SP

Atualizado: Sexta-feira, 21 Agosto de 2009 as 12

Até o dia 30 de agosto, Metrô traz mostra com 43 quadros de pacientes portadores de esquizofrenia e pessoas submetidas a transplante de órgãos que ganharam concurso nacional                                                          

Na 4º edição, projeto "Arte de Viver" reuniu mais de 800 obras de pacientes, totalizando 6.800 participantes em 11 anos de existência

Os trabalhos foram avaliados por uma comissão julgadora formada por médicos, artistas plásticos, críticos de arte e poetas, entre eles a filósofa Márcia Tiburi, apresentadora da GNT, os cantores Jair Oliveira, Wilson Simoninha, e o artista plástico Gustavo Rosa

Até o dia 30 de agosto, 43 obras dos vencedores do concurso nacional "Arte de Viver" estarão expostas no Metrô Clínicas, em São Paulo. O "Arte de Viver" é um concurso cultural que tem por objetivo incentivar a inclusão social de pacientes portadores de esquizofrenia e de pessoas submetidas a transplante de órgãos.  Na quarta edição do projeto, comemorada este ano, o programa reuniu mais de 800 obras de pacientes de todo o Brasil, totalizando 6.800 participantes em 11 anos de existência. O projeto tem o patrocínio da Janssen-Cilag Farmacêutica.

"O Programa Arte de Viver contou com a mobilização e o envolvimento de um número enorme de pessoas no país, o que mostra a importância de ações que tenham por objetivo a reintegração social. Esta exposição é uma pequena mostra do potencial artístico destes pacientes que, por meio da arte, puderam traduzir seus sentimentos, suas emoções e o desafio de vencer as adversidades do cotidiano", afirma José Carlos Appolinário, diretor médico da Janssen-Cilag.

O Projeto

Pacientes portadores de esquizofrenia e submetidos a transplante de órgãos de todo o país receberam mais de três mil kits, com pincéis, tintas e tela, e foram incentivados por médicos e profissionais de saúde a produzir obras de pintura e literatura. Os trabalhos foram avaliados por uma comissão julgadora formada por médicos, artistas plásticos, críticos de arte e poetas, entre eles a filósofa Márcia Tiburi, apresentadora do programa Saia Justa - GNT, os cantores Jair Oliveira, Wilson Simoninha, e o artista plástico Gustavo Rosa, entre outros.

No dia 1º de julho, no Museu da Casa Brasileira, em São Paulo, foram premiados os 12 ganhadores do projeto, sendo três em cada categoria (Pintura e Poesia). As 200 melhores obras de pintura e as 60 melhores de poesia também foram reunidas em dois livros sobre o projeto.

"O Programa Arte de Viver colabora com a reintegração social dos pacientes, favorecendo sua inclusão à sociedade e estimulando-os a participar de atividades produtivas", afirma Mário Rodrigues Louzã Neto, coordenador do Projeto Esquizofrenia do Instituto de Psiquiatria do Hospital das Clínicas de São Paulo.

Serviço

Exposição Arte de Viver

Local: Metrô Clínicas São Paulo

Data: até 30 de agosto de 2009

Postado por: Felipe Pinheiro

veja também