Programa nos EUA consegue detectar dor de pacientes

Programa nos EUA consegue detectar dor de pacientes

Atualizado: Segunda-feira, 19 Setembro de 2011 as 2:09

Um grupo de pesquisadores da Universidade Stanford, na Califórnia, desenvolveu um programa de computador que avalia informações geradas pelo cérebro e detecta quando as pessoas sentem dor.

O software poderia ser útil para crianças, idosos, pacientes com demência ou inconscientes. O estudo sobre o programa foi publicado no periódico "PLoS One".

Hoje, médicos têm que confiar nos pacientes para que eles lhes digam se sentem dor.

O programa foi testado em oito voluntários, que se submeteram a um mapeamento do cérebro enquanto eram tocados por um objeto que, de tão quente, causava dor.

O computador então usou as informações desses mapeamentos para reconhecer diferentes padrões da atividade cerebral, incluindo a da dor.

veja também