Qualidade do sêmen é influenciada pelos hábitos sociais

Qualidade do sêmen é influenciada pelos hábitos sociais

Atualizado: Sexta-feira, 26 Agosto de 2011 as 9:28

  Estudo realizado no Institto Sapientiae, vinculado ao Fertility - Centro de Fertilização Assistida e à Faculdade de Medicina de Jundiaí , mostra como a qualidade do sêmen é influenciada pelos hábitos sociais masculinos. O impacto negativo do cigarro, do álcool e da alimentação desregrada naqueles que estão querendo ter um bebê é muito grande.

“Foram entrevistados e analisados 250 homens submetidos a técnicas de fertilização assistida. Chegamos à conclusão de que o hábito de fumar e o consumo elevado de álcool geram um impacto negativo na fertilidade masculina. Essas substâncias aumentam o estresse oxidativo sistêmico, empobrecendo a qualidade do esperma”, diz o doutor Edson Borges – especialista em Reprodução Humana.

O médico também chama atenção para outro hábito que reduz as chances de uma fertilização assistida bem-sucedida: o elevado consumo de carne vermelha e gorduras. “Nesse mesmo estudo também observamos que a chance de gravidez é reduzida pelo consumo de carne vermelha, especificamente por conta dos efeitos negativos que xenoestrogênios e esteróides anabolizantes – tóxicos sintéticos presentes em maior ou menor medida nas carnes industrializadas – desempenham no sistema reprodutor masculino”.

Para reverter o impacto negativo dos maus hábitos incorporados ao dia a dia dos homens que estão empenhados em ter um filho, Borges diz ser necessário fazer todo um trabalho de conscientização e contar com acompanhamento psicológico, quando necessário, para que as mudanças ocorram e sejam positivas. “Além de reorganizar os hábitos do paciente, é indicado o consumo de grãos e frutas para elevar a qualidade do esperma durante o tratamento de fertilização assistida. Nossos resultados, inclusive, sugerem que não só o homem, mas o casal deve ser bem informado sobre os efeitos do estilo de vida sobre o sucesso do tratamento”.

veja também