Quando preciso visitar um cardiologista?

Quando preciso visitar um cardiologista?

Atualizado: Segunda-feira, 12 Abril de 2010 as 12

Toda vez que você tem uma doença relacionada ao sistema cardiovascular, que inclui o coração e as artérias, irá exigir a atenção de um médico cardiologista.

Sintomas como falta de ar, percepção dos batimentos cardíacos (palpitações), dores no peito, tonturas, sensação de desmaio (lipotimia) ou desmaio (síncope), muitas vezes requerem testes especiais. Os sopros cardíacos ou alterações do eletrocardiograma (registro da atividade elétrica do coração ao repouso) são melhor avaliados pelo cardiologista.

A presença de fatores de risco, como a hipertensão arterial, colesterol elevado, diabetes, tabagismo, sedentarismo, obesidade e histórico familiar de doença cardíaca, são causas comuns de visita ao cardiologista.

Muito importante: cardiologistas estão capacitados para prevenir e tratar doenças como a hipertensão arterial, anormalidades do colesterol,  ataques cardíacos (infarto do mocárdio), coração fraco (insuficiência cardíaca) e distúrbios do ritmo cardíaco (arritmias cardíacas).

Com suas habilidades e as informações obtidas através do quadro clínico de cada paciente, serão decisivos para avaliar a necessidade sobre certos exames e tratamentos, como o ecocardiograma, teste de esforço, cintilografia miocárdica, cateterismo cardíaco, angioplastia, cirurgia cardíaca, implante de marcapasso, entre outros procedimentos.

Em sua avaliação, o cardiologista  realizará  uma história clínica (anamnese), além de fazer também o exame físico, que incluirá a verificação de sua pressão arterial, peso, ausculta do coração e pulmões, e palpação dos vasos sanguíneos.

Apesar de alguns problemas poderem ser diagnosticados a partir do exame clínico, o médico cardiologista poderá requisitar exames de sangue, eletrocardiograma e outros exames, mencionados acima , de acordo com a sua suspeita clínica.

Postado por: Felipe Pinheiro

veja também