MENU

Saúde

Saiba porque no frio aumenta a vontade de dormir

Fonte: guiame.com.brAtualizado: segunda-feira, 16 de junho de 2014 15:51
sono no frio
sono no frio

O trio perfeito nos dias frios é TV, guloseimas e cobertor. Muitas pessoas procuram dormir mais nos dias de temperaturas baixas. O neurologista Shigueo Yonekura afirma que a vontade de dormir mais no frio não aumenta.

De acordo com Yonekura, o sono não aumenta quando a temperatura cai, mas temos a impressão que sim devido ao menor período de sol. O desejo de dormir mais está ligado à diminuição na claridade.

"O período de sol mais curto e o conforto da cama faz com que as pessoas sintam vontade de ficar mais tempo deitadas, é uma sensação de aconchego, mas não há necessidade biológica".

sono no frioO especialista também afirma que quem costuma ter problemas de sono, como demorar para dormir ou acordar várias vezes durante à noite encontra menos dificuldades com esse clima.

"Quando dormimos a nossa temperatura corpórea cai naturalmente para 1ºC a menos, vai para 35ºC, e com o clima mais frio, conseguimos manter a temperatura nesse índice, o que contribui para uma boa noite de sono. Já no calor, fica mais complicado manter a temperatura corpórea baixa".

Segundo o especialista, cada pessoa tem seu tempo ideal de sono, que varia com a idade. A maior parte da população adulta precisa de sete a oito horas por dia. As crianças dormem em média onze horas e os adolescentes cerca de nove. Os recém-nascidos dormem de 16 a 18 horas por dia, com variações para cada bebê.

"A qualidade do sono é mais importante do que as horas dormidas. O sono é determinante para a qualidade de vida, deixa a pessoa mais disposta, melhora o rendimento na escola e no trabalho, ajuda no bem estar, o sistema imunológico fica mais resistente, ajuda no humor e melhora a concentração".

As recomendações do neurologista para uma boa noite de sono, é estabelecer um horário regular para se deitar e despertar, ir para a cama somente na hora de dormir e optar por um ambiente saudável e livre de ruídos.

"Além desses pontos, não consumir álcool, não exagerar no consumo de chás, café e refrigerantes e não realizar exercícios físicos próximos a hora de dormir ajudam a ter uma boa noite de sono".

 


Com informações de: R7

 

Siga-nos

Mais do Guiame

O Guiame utiliza cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência acordo com a nossa Politica de privacidade e, ao continuar navegando você concorda com essas condições