Segundo pesquisa, mulheres altas tem risco maior de ter câncer

Risco de câncer é maior em mulheres altas

Atualizado: Terça-feira, 30 Julho de 2013 as 11:23

Um estudo norte-americano divulgado na última quinta-feira (25), revelou que mulheres mais altas correm riscos maiores em relação a diversos tipos de câncer. Responsáveis pelo estudo analisou quase 145 mil mulheres, com idades entre 50 e 79 anos após a menopausa e publicada na revista norte-americana Cancer Epidemiology.
 
Os pesquisadores descobriram que a cada 10 centímetros adicionais de altura haveria um risco 13% maior de contrair câncer. "Em última instância, o câncer é resultado de um processo relacionado com o crescimento e faz sentido que os hormônios ou outros fatores de crescimento que influenciam a altura também afetem o risco de câncer", afirmou o principal autor do estudo, Geoffrey Kabat, epidemiologista do Albert Einstein College of Medicine da Universidade de Yeshiva em Nova York.
 
 Risco de câncer é maior em mulheres altasEm um período de 12 anos acompanhando mulheres que começaram o estudo sem ter câncer, os pesquisadores encontraram vínculos entre uma maior altura e uma maior possibilidade de desenvolver câncer de mama, colo, endométrio, rim, ovário, reto, tireoide, assim como mielomas múltiplos e melanomas.
 
Em alguns cânceres houve maior risco entre mulheres mais altas, como risco de 23 a 29% a mais de desenvolver câncer de rim, reto, tireoide e sangue a cada 10 centímetros adicionais de altura. Nenhum dos 19 cânceres estudados mostrou um menor risco relacionado com uma altura maior.
 
"É necessário levar em conta que aspectos como a idade, o fato de ser fumante, o índice de massa corporal ou outros fatores de risco têm efeitos muito mais consideráveis", disse ele.
 
"A associação da altura com vários tipos de câncer sugere que as exposições, nos primeiros momentos da vida, incluindo a nutrição, desempenham um papel na hora de influenciar o risco de uma pessoa a sofrer câncer", explicou Kabat.
 
 
 
Com informações de: Viva Bem

veja também