Soluções naturais contra a enxaqueca.

Soluções naturais contra a enxaqueca.

Atualizado: Terça-feira, 26 Abril de 2011 as 10:28

Se você costuma sentir fortes dores de cabeça. pode ser sinal de enxaqueca. Mas saiba que essa crise pode ser amenizada com simples soluções naturais, como mexer na dieta, beber um chá quentinho e até pedir uma massagem.

Veja se o seu problema é mesmo enxaqueca e descubra como combatê-la com cinco truques.

A dor vira enxaqueca quando... · A crise dura de 4 a 72 horas.

· A cabeça lateja.

· Dá náuseas.

· Aumenta a sensibilidade à luz ou sons.

· Piora com movimentos bruscos.

5 soluções naturais 1. Coma amêndoas Por quê?

Elas possuem o mesmo efeito analgésico de duas aspirinas!

Como funciona?

A amêndoa tem salicilato, que reduz inflamações.

Bônus

Como a semente oleaginosa contém vitaminas, também acalma o sistema nervoso, diminui a tensão e aumenta a circulação sanguínea no couro cabeludo.

2. Tome um suplemento Por quê?

Indicados por um médico, suplementos de coenzima Q10 (ubiquinona), vendidos em farmácias de manipulação, ajudam o cérebro a lidar com alterações climáticas.

Como funciona?

Mudanças bruscas de temperatura, umidade ou pressão atmosférica fazem o cérebro diminuir a produção da coenzima Q10, provocando dor.

3.Faça uma massagem Por quê?

Estudos mostram que o estresse pode provocar até sete crises de enxaqueca por mês. Ao se acalmar você diminui essas crises.

Como funciona?

Apenas 20 minutos de massagem já reduzem a produção dos hormônios que nos causam excitação emocional.

4. Consuma mais frutas e verduras Por quê?

Uma xícara de frutas no café da manhã e um prato de sobremesa de verduras no almoço e no jantar afastam as crises em poucas semanas.

Como funciona?

Vitaminas, minerais e antioxidantes presentes nesses alimentos trabalham juntos para amenizar a enxaqueca.

5. Beba um chazinho Por quê?

Ervas como o ginseng têm o poder de aumentar os níveis de estrogênio no organismo, também conhecido como hormônio feminino.

Como funciona?

Quando a mulher está para menstruar, a baixa produção de estrogênio dilata os vasos sanguíneos, ocasionando enxaqueca.  

veja também