Vacina contra malária reduz pela metade risco de infecção em bebês

Vacina contra malária reduz pela metade risco de infecção em bebês

Atualizado: Quarta-feira, 19 Outubro de 2011 as 1:51

Uma vacina contra a malária desenvolvida pela empresa farmacêutica GSK está em fase final de teste. De acordo com uma pesquisa publicada ontem no "New England Journal of Medicine", a imunização conseguiu proteger bebês africanos com idades entre 5 meses e 17 meses contra malária, com segurança e tolerabilidade aceitáveis.

Um ano depois de serem vacinadas, as crianças tiveram um risco 47% menor de contrair a forma mais severa da doença. Apesar de esse índice ser inferior ao de outros tipos de vacina, o resultado é animador, segundo os médicos.

Bill Gates, da Fundação Bill e Melinda Gates, que financiou a pesquisa, disse em nota que os resultados mostram que é possível proteger milhões de crianças contra a doença, que mata 800 mil pessoas por ano, a maioria crianças africanas.

veja também