Vacina para prevenir câncer de mama começa a ser testada

Vacina para prevenir câncer de mama começa a ser testada

Atualizado: Terça-feira, 1 Junho de 2010 as 9

Testes de uma vacina contra o câncer de mama tiveram resultados eficientes em animais e, por isso, podem começar a ser testada em humanos, de acordo com matéria divulgada nesta segunda-feira (31) no jornal inglês The Guardian.

Há pelo menos dois anos, médicos da Cleveland Clinic (EUA) testam uma vacina para proteger mulheres saudáveis contra a doença. Os estudos estão ainda em desenvolvimento, mas sua eficiência impressionou os médicos que a testaram em animais que propensos a ter a doença.

Se a vacina funcionar em humanos, os pesquisadores pretendem oferecê-la a mulheres antes dos 40 anos, quando o risco de câncer de mama aumenta. Vacinas efetivas contra câncer são muito difíceis de fazer, porque as células cancerígenas são muito semelhantes aos tecidos saudáveis. Uma vacina contra o câncer mal concebida poderia voltar o próprio sistema imune contra outras partes do corpo e causar mais problemas do que soluções enquanto outro problema é que muitos cânceres enfraquecem o sistema imunológico à medida que crescem.

A vacina realizada em Cleveland, ao contrário, faz o sistema imunológico atacar certa proteína encontrada na maioria das células cancerígenas da mama e dos tecidos mamários que envolvem a lactação da mulher.

Desta forma, seria administrada somente em mulheres que não vão amamentar no futuro. Mulheres com essa idade tendem a já ter tido filhos e, portanto, não estariam amamentando, segundo o imunologista Vincent Tuohy, um dos pesquisadores da Cleveland Clinic, em Ohio.

- A frequência de mulheres que amamentam próximo aos 40 anos é muito baixa. Por isso nós visamos vacinar mulheres contra essa doença neste estágio de sua vida.

veja também