Ver artistas fumando "excita" cérebro de quem tenta largar vício

Ver artistas fumando "excita" cérebro de quem tenta largar vício

Atualizado: Quinta-feira, 20 Janeiro de 2011 as 8:17

Se você está tentando parar de fumar, então é melhor não assistir a alguns filmes. Pesquisadores americanos descobriram que ver artistas de cinema fumando estimula o cérebro de que está tentando largar o vício.

Pesquisadores do Dartmouth College, nos EUA, avaliaram o cérebro de 17 fumantes e 17 não-fumantes enquanto eles assistiam à primeira metade do filme Os Vigaristas, de Ridley Scott. Por meio de ressonância magnética, eles notaram que algumas partes do cérebro dos fumantes ficavam excitadas assim que viam as imagens.

Em todos os voluntários, as áreas do cérebro estimuladas eram as que trabalham o planejamento e a coordenação de movimentos. Mas, nos fumantes, as áreas atingidas são as que coordenam especificamente o movimento das mãos.

Para os pesquisadores, isso indica que o cérebro dessas pessoas já estava se preparando para as ações exigidas ao fumar, como levar o cigarro até a boca. Circuitos cerebrais que lidam com impulsos e recompensas também se excitavam nos fumantes.

Segundo um dos autores do estudo, Todd Heatherton, a descoberta revela como funciona o cérebro de uma pessoa que tenta abandonar o vício.

- Quando o fumante vê alguém fumando, o cérebro dele começa a simular os movimentos que eles fariam se tivessem um cigarro.

Ao final do estudo, a equipe de Heatherton notou que as pessoas que sentiam mais vontade de fumar eram aqueles cujos cérebros estimularam mais a parte da recompensa.

- Todos os dias nós recebemos impulsos para fazer coisas, mas geralmente não sabemos de onde eles vêm. Mas se nós entendermos como um filme pode nos afetar, conseguiremos lidar com os estímulos.

Apesar dos resultados, os pesquisadores ressaltam que não há evidências científicas de que assistir a filmes com cigarro reduza as chances de abandonar o hábito.

De acordo com o Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDCP, na sigla em inglês) do governo norte-americano, o número de filmes contendo imagens de cigarro vem diminuindo a cada ano. No entanto, entre os filmes mais populares, o órgão governamental alerta que cerca de 50% ainda trazem o hábito de fumar.

veja também