12ª edição do Projeto Carioquinha é lançada no Rio de Janeiro com 123 atrações

12ª edição do Projeto Carioquinha é lançada no Rio de Janeiro com 123 atrações

Atualizado: Terça-feira, 1 Junho de 2010 as 10:01

A edição 2010 do Projeto carioquinha, que comemora 12 anos, foi lançada ultima sexta-feira, 28 de maio, em um evento com a presença do secretário Antônio Pedro Figueira de Melo e representantes de entidades e empresas que participam do programa. Este ano o projeto conta com 123 adesões, sendo 76 atrações turísticas, 32 hotéis e 15 restaurantes.

A novidade deste ano é a participação de teatros no projeto e a criação de uma loja virtual que comercializa produtos com desenhos de paisagens cariocas da artista plástica Heloisa Torras. O dinheiro das vendas será doado à ONG Ressurgir.

"O Carioquinha já faz parte do calendário do Rio, o que mostra a relevância do projeto. O carioca precisa conhecer mais a cidade, para poder valorizar o que tem. O projeto é um excelente estímulo para isso", declarou o secretário.

Marta Mendes, idealizadora do Carioquinha, conta que há 12 anos o projeto só contava com apenas um ponto turístico - o Corcovado. O sucesso foi tão grande que no ano seguinte já possuia 12 adesões, e hoje já passa dos cem. "Tive a ideia de criar algo que chamasse o morador da cidade a conhecer melhor os atrativos locais quando percebi que a quantidade de cariocas que visitava o Cristo Redentor era ínfima, e o principal entrave era o preço e o status de ‘programa de turista’. O Carioquinha ajudou a tirar o preconceito do cidadão e o estimulou a se inteirar sobre o que o Rio tinha a oferecer".

Para a divulgação do projeto, que este ano conta com o patrocínio da Coca Cola, foram montadas 200 placas nas ruas, além de 45 busdoors, disparos de email marketing e propaganda em mídias digitais e rádio. Também será posta à venda uma camisa amarela, em alusão à da seleção brasileira, com o símbolo do projeto, usada nas peças publicitárias.

Yann Lasaffre, gerente do Pink Fleet, conta que o público do navio já é composto por 70% de cariocas, mas durante o mês do projeto, a frequência dos moradores da cidade sobe até 50%. "Nossa média mensal é de cinco mil visitantes. Em junho, chega até a 7,500, se tivermos bom tempo. Em épocas de chuva, a variação é menor, por volta de 30%. Ainda sim é um ótimo número para nós", conta Yann. O Pink Fleet, com três anos de existência, participa pelo segundo ano consecutivo do projeto. "O mais bacana é que nosso público é composto por muitos visitantes reincidentes, ou seja, que vêm conhecer o navio durante o Carioquinha e que volta nos outros meses".

Movimento da cidade - "O projeto sempre acontece em junho, mês de baixa temporada. Mas o Rio está tão movimentado que achei que o projeto fosse cancelado este ano", brincou Antônio Pedro. Segundo ele, a rede hoteleira da cidade está com uma ocupação de 78%, recorde para o mês de junho. "Os hotéis quatro e cinco estrelas estão praticamente lotados", completou.

Para o secretário, o motivo dos altos índices do mês é a atenção que a cidade vem conquistando no exterior, depois dos anúncios que iria sediar a Copa e as Olimpíadas. "Enquanto em 2009 o Brasil inteiro registrava uma queda no turismo, o Rio cresceu em 10% no setor", afirma.

Para conferir os participantes desta edição, acesse o site http://www.carioquinha.com.br

Por: Juliana Siqueira

veja também