5º Brasil Offshore Macaé 2009: Evento bate recorde, com 49.224 visitantes

5º Brasil Offshore Macaé 2009: Evento bate recorde, com 49.224 visitantes

Atualizado: Quarta-feira, 24 Junho de 2009 as 12

A quinta edição da Brasil Offshore, que iniciou na terça-feira, 16 de junho, e se encerrou na sexta-feira, dia 19, firmou a feira no mercado mundial de petróleo. Em comparação à edição passada, o número de expositores internacionais, vindos do exterior à Brasil Offshore, aumentou em 100% este ano, totalizando 138 empresas. A maioria esteve concentrada nos seis pavilhões internacionais organizados — China, França, Reino Unido, Holanda, Estados Unidos e Alemanha  que somaram mais de 1.200 m² de espaço ocupado na feira.

Segundo a direção da Reed Exhibitions Alcantara Machado (organizadora da feira), o público final que compareceu ao pavilhão totalizou 49.224 visitantes. "Tivemos uma audiência muito qualificada, com uma participação crescente dos funcionários da Petrobras, que dobrou seu público visitante. Esta foi a maior edição que já realizamos e esperamos crescer ainda mais. Se este ano, com a crise, aumentamos em 18% o número de expositores, temos boas perspectivas para 2011", declarou Eric Henderson, Diretor da Brasil Offshore.

Cerca de 35% das empresas expositoras este ano já renovaram participação para a próxima edição em 2011. "Já estamos em contato com a Prefeitura para ver como podemos ampliar ainda mais o espaço que a feira ocupa no Macae Centro", declarou Henderson. A próxima edição da Brasil Offshore acontece de 14 a 17 de junho de 2011.

Macaé, que sedia a feira desde a sua primeira edição em 2001, não para de crescer. "Este ano a Brasil Offshore consolidou Macaé como a capital nacional do petróleo e pólo internacional de atração de empresas do setor. Toda a rede de serviços da cidade foi movimentada durante os quatro dias do evento e os negócios gerados durante a feira contribuem para aquecer a economia do município ao longo do ano", declarou Riverton Mussi, prefeito de Macaé.

O Presidente da Reed Exhibitions Alcantara Machado, Juan Pablo De Vera, ressaltou o sucesso do evento em uma conjuntura internacional de grandes desafios. "A magnitude da Brasil Offshore 2009 em termos de qualidade de empresas reunidas evidencia que estamos no caminho certo. A crise não foi suficiente para impedir o crescimento da feira." Esta foi a primeira Brasil Offshore organizada pela Reed Exhibitions Alcantara Machado após a aquisição do MG Group, em 2008.

veja também