Arraial d' Ajuda (BA) é boa opção para a prática do ecoturismo

Arraial d' Ajuda (BA) é boa opção para a prática do ecoturismo

Atualizado: Quarta-feira, 11 Março de 2009 as 12

Descoberto pelo movimento hippie na década de 70, o Arraial d´Ajuda ganhou fama internacional com sua simplicidade elegante. A ocupação desordenada transformou ruas e becos em trilhas entre o mar e a mata. Seduzidos por uma atmosfera especial, aventureiros dos mais diversos países chegaram e se estabeleceram, transformando o Arraial na “esquina do mundo”, como é conhecido. Seus 12 km de litoral estão entre os mais bonitos da costa brasileira.

As falésias beiram o mar e os recifes formam piscinas naturais de água morna. As praias do Apaga-Fogo, Araçaípe, Mucugê, Pitinga e Taípe variam entre desertas ou muito freqüentadas, com coqueiral ou vegetação de restinga, muita gente jovem e badalação.

Do alto de uma falésia, o Arraial d´Ajuda oferece uma panorâmica da Costa do Descobrimento e tem um discreto charme que encanta e reúne tribos do mundo inteiro. São ruas estreitas sem calçamento, pousadas pequenas e aconchegantes, rústicas e muito confortáveis, restaurantes charmosos e construções de bom gosto.

O estilo de vida no Arraial foge completamente dos padrões normais de comportamento. A moda é livre e descontraída. Nas galerias e mini shoppings - que começam a funcionar no final da tarde e só fecham por volta da meia-noite - é comum fazer compras de biquini ou ir à boate de short. O horário da praia vai além do pôr-do-sol, com muita aula de lambaeróbica. O almoço é ajantarado e quando se pensa que a vila vai dormir, as pessoas se enfeitam e vão para luaus na praia de Mucugê, com exibições de capoeira e maculelê, e a noite só termina quando o sol nasce.

Como chegar

Se você está indo de carro pela BR 101, ao chegar ao Km 772 em Eunápolis, siga para Porto Seguro, são mais 62 Km até as balsas.

Se vai de ônibus, as Companhias São Geraldo e Águia Branca fazem a ligação com São Paulo, Rio de Janeiro, Vitória, Belo Horizonte, Brasilia, Salvador e as principais cidades da Bahia e norte de Minas Gerais. Da rodoviária são mais 3 km até as balsas. 

Se optou pelo modo mais rápido e confotável, as companhias aéreas operando para Porto Seguro são: Vasp, Riosul, Nordeste, Varig, Passaredo e Fly, com vôos diários partindo das principais capitais do Brasil. Do aeroporto é só tomar um táxi até as balsas (4 km).

As balsas (funcionam 24 hs) que levam o turista através do Rio Buranhém (a travessia dura de 10 a 15 min.) são o elemento divisor de dois mundos tão diferentes, de um lado, Porto Seguro já com características urbanas, mais movimentado e procurado pôr turistas que viajam em grupos, e do outro a elegância rústica de Arraial d'Ajuda.

Ao cruzar o rio, deixe para trás o stress e a pressa, desfrute da brisa morna dos coqueiros, aproveite a passagem e se der sorte de fazer a travessia ao pôr do sol você será testemunha de um espetáculo inesquecível.

veja também