As praias que serviram de cenário para filme da saga "Crepúsculo"

As praias que serviram de cenário para filme da saga "Crepúsculo"

Atualizado: Segunda-feira, 22 Novembro de 2010 as 11:58

Existe, no litoral sul fluminense um lugar onde vampiros circulam de dia, vão à praia e tomam banho de cachoeira sem medo do sol. Fica em Paraty, cidade escolhida para o complemento das filmagens brasileiras de "Amanhecer", quarto filme da saga "Crepúsculo", a febre mundial que habita corações e mentes de crianças e adolescentes de toda parte. Certamente, graças à internet, esse público já sabe onde ficam o Saco de Mamanguá (onde só se chega de barco), perto de Parati-Mirim, e a cachoeira do Iriri, no distrito de Taquari, às margens da BR-101, no sentido Angra dos Reis, onde cenas do filme foram rodadas. Dois cenários de cinema, a poucas horas de cariocas e paulistas.

Considerado o único fiorde (golfo estreito e profundo entre montanhas altas, comum em países como Noruega e Nova Zelândia) do Brasil, não existe lugar mais escondido no litoral fluminense do que o Saco de Mamanguá. Para chegar até lá, só pegando barcos (geralmente lanchas pequenas, para até 10 pessoas).

Saindo de Parati-Mirim, a viagem de barco leva, em média, 45 minutos, e custa R$ 10 por pessoa. Já de Paraty, o trajeto demora 1h30m e sai por volta de R$ 20 por pessoa. Os preços são relativos à alta temporada, mas podem ser negociados diretamente com os barqueiros.

São oito quilômetros de extensão desse braço de mar que penetra o continente, cujas encostas e ilhas são ocupadas por poucas comunidades caiçaras, pousadas e belas mansões (entre elas a que foi usada nas filmagens, hoje sob risco de demolição por irregularidades ambientais).

Não tão isolado é o distrito de Taquari, com suas muitas cachoeiras. Entre elas está a do Iriri (ou do Iririguaçu, nome de um dos rios), escolhida como um dos locais de filmagem. A menos de 30 quilômetros do centro de Paraty, dá para chegar até de ônibus.

São duas quedas d'água, cada uma com uma piscina natural, de acesso fácil: 300 metros de trilha simples a partir do quilômetro 546 da BR-101. Do outro lado da rodovia está a praia do Iriri. Mais informações no site da prefeitura de Paraty: www.pmparaty.rj.gov.br .

veja também