Bariloche e Villa La Angostura: dos esportes de neve às cavalgadas e temporadas de pesca

Bariloche e Villa La Angostura: dos esportes de neve às cavalgadas e temporadas de pesca

Atualizado: Sexta-feira, 22 Maio de 2009 as 12

O grande encanto que se experimenta ao chegar em Bariloche é causado pelo ambiente de montanhas, os lagos ao redor, rios e bosques banhados de neve. Centro do Parque Nacional Nahuel Huapi, é uma das cidades mais povoadas da província do Rio Negro e um dos principais centros turísticos da Argentina.

A geografia local permite a realização de diversas atividades e a região ainda possui um moderno e sofisticado centro de esqui, o famoso Cerro Catedral, um dos melhores lugares para a prática de esportes invernais, com áreas para pedestres, esquiadores e snowbordistas.

Villa La Angostura se localiza a 70 Km de Bariloche, província de Neuquén. É também uma área de lagos, rios e montanhas, rodeada de bosques, ideal para as férias, a recreação e os esportes, tais como o ski e o snowboard. A partir de meados de outubro, começa a temporada de pesca; o verão é ideal para o trekking, passeios de canoa, cavalgadas e trilhas de mountain bike. 

Dados do Cerro Catedral (Bariloche):

Altitude: 1.030 metros na base e 2.100 metros no topo

Ski-Lifts: 39 teleféricos

Pistas:

Total de 53 pistas (103 km)

Desnível: 960 metros

Avançado: 20%

Intermediário: 60%

Principiante: 20%

Dados do Cerro Bayo (Villa La Angostura)

Altitude: 1.050 metros na base e 1.750 metros no topo

Ski-Lifts: 11

Pistas:

Total de 20 pistas (12 km)

Desnível: 700 metros

Expert: 20%

Avançado: 40%

Intermediário: 20%

Principiante: 20%

Bariloche: na região dos Lagos Andinos , San Carlos de Bariloche é a principal cidade na parte argentina, localizada na margem sul do lago Nahuel Huapi. A cidade em si encanta pela sua beleza. Passear pelas suas ruas e visitar atrações como a Catedral de Nossa Senhora de Nahuel Huapi, o Centro Cívico, a Torre Relógio, a Capela de Imaculada é um passeio obrigatório. Outros passeios interessantes são as navegações a Ilha Vitória e Bosque dos Arrayanes, Ilha Huemul, Puerto Blest e Lago Frias e o famoso Circuito Chico, que margeia o lago Nahuel Huapi. Durante o inverno, a principal atração da cidade é o esqui no Cerro Catedral, dotado de completa infra-estrutura para o visitante.

Cerro Catedral: centro de esqui internacional, é o mais tradicional da Argentina e o mais importante da América do Sul. Esqui de alto nível e pistas tanto para principiantes como para experts. Sua base está a 1.030 metros e o pico a 2.100 metros de altitude. Possui 39 ski-lifts para atender suas 53 pistas (103 km), divididas em: 20% para esportistas experientes, 60% de nível intermediário e 20% para principiantes.

Cerro Tronador: : destaca-se pelos 3.554 metros de imponência. Localiza-se próximo a Peulla e Bariloche, na fronteira entre Chile e Argentina, por isso os nomes dados aos seus três picos: Argentino, Chileno e Internacional. O Tronador, assim chamado pela impressão da montanha estar rugindo à distância (por causa do barulho dos desprendimentos de rocha e gelo dos seus glaciares), libera sulfatos de ferro e cobre na nascente dos seus rios, fomando lagos de cor esmeralda como Todos Los Santos e Frias.  O Tronador tem um terreno ótimo para a prática de escalada em gelo, conhecido desde o começo da prática do andinismo.

Refúgio Otto Meiling: esse refugio se localiza na ladeira do Cerro Tronador. Fica entre dois glaciares: o Castaño Overa e o Alerce, a uma altura de 2.050 metros. Esse refúgio, entre tantos outros da região, possui localização privilegiada para se apreciar as fantásticas formações de glaciais, rocha e neve. Próximo a ele está o Rio Castaño Overa, coihues centenários (que alcançam até 25 metros de altura e 3 metros de diâmetro), a “Almohadilla”, local onde existe uma pequena mata de Lenga (árvore da mesma espécie do Coihue mas mais resistente ao clima, à altura e à neve), cheio de “Barbas del Viejo” (planta parasita que adere à copa das árvores.  A partir do Refúgio Otto Meiling podem ser realizadas várias excursões. A mais popular é sem dúvida a caminhada de 2 horas ao “Filo de la Motte” (2.400 metros), de onde é possível apreciar a parede Norte do Pico Argentino do Tronador (3.300 metros). Essa parede consiste em um glacial pendente de 500 metros de desnível e 50 de inclinação. Trata-se de uma das clássicas rotas de escalada ao Pico Argentino. A parte inferior do Glacial se precipita à bacia do Glaciar Pangue, quase 1.000 metros abaixo. Também é possível ver o Vulcão Lanín 150 Km ao norte, o Lago Nahuel Huapi e o outeiro Arecón Grande (no planalto patagônico).

Glaciar del Castaño Overa:  localizado próximo ao Cerro da Morena. Deste mirante, avista-se uma cachoeira que cai de uma parede de lava vulcânica de 500 metros de desnível. Por prudência, aconselha-se não se aproximar da base da parede já que os desprendimentos são imprevisíveis e perigosos. Justo na parte superior da parede se mantém ameaçador e em precário equilíbrio o Glaciar Castaño Overo. O avançar do glacial do alto faz com que os gelos sejam empurrados ao vazio. Com paciência é possível ser testemunha da queda de uma destas grandes massas de gelo de umas centenas de toneladas. O espetáculo e o ruído fazem com que seja compreendido profundamente o poder supremo da natureza.

Circuito Chico: é uma das excursões mais tradicionais de Bariloche. Percorre 65km dos Parques de Nahuel Huapi e LLao LLao, passando pela Laguna El Trébol, Lago Moreno e a Colônia Suíça, até chegar a Baía Lopez, com os cerros López e Capilla. Neste passeio, é possível visitar plantações de lavanda, artesanatos de flores secas, fábricas de cerâmicas e chocolates artesanais e várias outras instalações típicas argentinas.

El Bolson: saindo de Bariloche pelo sul pela rota 258. Neste pequeno povoado, é possível visitar diversas chácaras, a tradicional feira artesanal e o formoso lago Puelo.

Villa La Angostura: localiza-se a 70 Km de Bariloche, na província de Neuquén. É uma área de lagos, rios e montanhas, rodeada de bosques, ideal para a prática de esportes de inverno, como o ski e o snowboard. A partir de outubro, começa a temporada de pesca; o verão é ideal para o trekking, passeios de canoa, cavalgadas e trilhas de mountain bike.

Cerro Bayo: encontra-se a apenas 15 minutos de Villa La Angostura, e fica em frente ao majestoso Lago Nahuel Huapi, de onde se pode fazer uma caminhada de 5 Km de extensão com vista panorâmica. Conta com 200 hectares de pistas para a prática de esqui alpino, de todos os níveis de dificuldade; 21 pistas para a prática de esportes de inverno, assim como outras atividades de montanha, como as caminhadas pelos bosques ou as guerras de bola de neve. Possui 6 telesillas duplas, 2 monoplazas e 4 teleskis. Cerro Bayo conta ainda com todos estes serviços: aluguel de equipamentos, escola de esqui e snowboard, guarda-volumes, jardim de neve para as crianças, estacionamento e segurança nas pistas.

veja também