Brasileiros gastam 3,2 vezes mais no exterior

Brasileiros gastam 3,2 vezes mais no exterior

Atualizado: Quarta-feira, 23 Novembro de 2011 as 9:22

Na prática, os brasileiros gastaram 3,2 vezes mais no exterior do que os estrangeiros quando estiveram no país durante esse período.

O cálculo foi feito com base em dados divulgados pelo Banco Central e pelo Ministério do Turismo na terça-feira (22).

Ainda assim, de acordo com o Ministério do Turismo, o gasto de estrangeiros no Brasil foi um recorde para o mês e o maior valor registrado na série histórica. "O crescimento foi de 21,23% em relação a outubro de 2010, quando ingressaram no país US$ 438 milhões por meio de viagens internacionais", diz o órgão, em nota.

De janeiro a outubro de 2011, foram gastos US$ 5,5 bilhões, valor 16% maior que o obtido no mesmo período do ano passado (US$ 4,7 bilhões). O cálculo inclui trocas cambiais oficiais e gastos com cartões de crédito internacionais.

Em nota, o presidente do Instituto Brasileiro de Turismo (Embratur), Flávio Dino, diz que "todas as metas estabelecidas serão alcançadas, teremos a maior entrada de turistas estrangeiros já registrada, que deve chegar a 5,4 milhões, e bateremos recorde também na entrada de divisas, alcançando a marca de US$ 6,4 bilhões."

DESEMBARQUES INTERNACIONAIS

Os desembarques internacionais no mês de outubro de 2011 alcançaram a marca de 799,7 mil, número 10% superior ao registrado em outubro de 2010 (726,5 mil).

De acordo com os dados divulgados pela Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero), trata-se do registro de número mais elevado desde o ano 2000.

Os desembarques internacionais somam 7,54 milhões no acumulado do ano frente a 6,53 milhões registrados em 2010 --um aumento de 15,38%.

O número de desembarques internacionais engloba a chegada de turistas estrangeiros e o retorno de brasileiros que foram ao exterior.

veja também