Cabo Frio-RJ espera 150 mil turistas em julho

Cabo Frio-RJ espera 150 mil turistas em julho

Atualizado: Quarta-feira, 14 Julho de 2010 as 11:12

Com seu cartão postal mais conhecido recuperado, a Praia do Forte, em Cabo Frio (RJ), volta a ser um dos principais atrativos do município para as férias de julho. A faixa de areia que tinha desaparecido no início do mês passado, devido às constantes ressacas, já volta ao normal. E a expectativa da Secretaria de Turismo de Cabo Frio para a segunda quinzena de julho, época de recesso escolar, é que a cidade receba 150 mil turistas. O número ganha reforço de dois importantes eventos: a 3ª Etapa do Campeonato Brasileiro de Canoas Havaianas e o 15º Bikerfest, Encontro de Motos, organizado pelo Motoclube Tubarões, um dos maiores do país.

A etapa do Campeonato Brasileiro de Canoas Havaianas, que acontece em Cabo Frio nos dias 23 e 24 de julho, reunirá na cidade 300 atletas de todo o país, em competições de manhã e à tarde, na Praia do Forte. Já para o Encontro de Motos, são esperados 40 mil motociclistas de 1,5 mil Motoclubes do Brasil e de outros países. Durante os quatro dias de evento, que acontece de 22 a 25 de julho, a expectativa é que outras 70 mil pessoas visitem a festa. O evento será realizado no Espaço de Eventos da Prefeitura, em Perynas, e conta com 15 atrações musicais divididas em dois palcos, área de alimentação, área de comercialização de produtos.

Para o secretário de Turismo de Cabo Frio, Gustavo Beranger, os dois eventos são um incremento para o mês de julho na cidade. "O Campeonato Brasileiro de Canoas Havaianas é um evento recente, criado pela atual administração, mas que já se consolidou. Ainda do mais, é perfeito para Cabo Frio, cidade litorânea voltada para a prática de atividades desse tipo. Já o Bikerfest é um dos maiores encontros de motos do Brasil e, por isso, nosso apoio é incondicional" ressaltou o secretário.

A grande movimentação na cidade e expectativa da chagada de mais visitantes já reflete positivamente nas reservas de hotéis e pousadas. "A média de ocupação nos hotéis está acima da média, alguns já registram ocupação máxima. Nem as ressacas ocorridas na Praia do Forte desanimaram os visitantes", concluiu Gustavo Beranger.

veja também