Cinzas de vulcão suspendem voos para três cidades da Argentina

Cinzas de vulcão suspendem voos para três cidades da Argentina

Atualizado: Terça-feira, 7 Junho de 2011 as 8:37

As cinzas do vulcão que entrou em erupção no sul do Chile, no fim de semana, afetam os voos com destino a três cidades da Argentina. Segundo a companhia aérea LAN Argentina, as passagens de ida e volta entre Buenos Aires, San Carlos de Bariloche, Neuquén e Rio Gallegos estão suspensas por tempo indeterminado. A companhia Aerolineas Argentinas também cancelou todos os voos programados entre Buenos Aires e Bariloche. O complexo vulcânico Puyehue entrou em erupção no sábado (4). Autoridades chilenas decretaram alerta máximo nas regiões próximas ao vulcão e pessoas tiveram que deixar suas casas. A nuvem de cinzas também chegou a San Carlos de Bariloche, na Argentina, a 100 km de distância.

Todas as operações do aeroporto Teniente Luis Candelaria, em Bariloche, estão suspensas desde domingo. Com relação a Neuquén e Rio Gallegos, a LAN Argentina informou que não irá operar voos para essas localidades "até que as condições estejam favoráveis e com total segurança".

O cancelamento dos voos, segundo a companhia, ocorre por que a cinza possui "alto poder abrasivo", o que pode causar "danos sérios aos motores, às asas, parabrisas, elementos de aterrissagem e instrumentos de voo".

Os turistas que têm passagens marcadas para as três cidades prejudicadas pela nuvem de cinzas podem, de acordo com a LAN Argentina, trocar a data da voo para daqui 30 dias(sem custo adicional), alterar o destino de viagem (mediante pagamento da diferença) ou devolver a passagem. A Aerolineas Argentinas não respondeu quais medidas serão tomadas.

ERUPÇÕES

O Chile possui a segunda maior cadeia vulcânica e de maior atividade no mundo, depois da Indonésia.

Em 2008, outro vulcão do sul do Chile, o Chaitén, entrou em erupção e desencadeou uma nuvem de cinzas que alcançou até mesmo a Patagônia argentina, provocando a retirada de milhares de pessoas das cidades próximas.    

veja também