Conhecidas como paraíso fiscal, as ilhas Cayman são excelentes para mergulho

Conhecidas como paraíso fiscal, as ilhas Cayman são excelentes para mergulho

Atualizado: Sexta-feira, 15 Janeiro de 2010 as 12

As ilhas Cayman são frequentemente lembradas no noticiário económico e político como paraíso fiscal, local onde algumas fortunas de origem duvidosa buscam o anonimato. Há hotéis cinco estrelas, lojas de grife e locais de luxo na capital Georgetown e na Seven Mile Beach, em Grand Cayman. Mas a colônia britânica é também excelente destino para mergulhadores e turistas que desejam passar as férias isolados e tranquilos, numa paisagem de praias de areia branca, mar azul e coqueiros.

Este arquipélago descoberto por Cristovão Colombo em 1503 e visitado pelo pirata inglés Francis Drake, fica relativamente próximo de Cuba e de Jamaica, e reúne as ilhas Grand Cayman, Cayman Brac e Pequena Cayman. Serviços financeiros e turismo representam suas maiores fontes de renda. A Seven Mile Beach corresponde à imagem do Caribe paradisíaco. Resorts e cruzeiros lotados, areias brancas, águas cristalinas, excelentes restaurantes e bares, badaladas animadíssimas e boates completam a oferta de uma natureza privilegiada.

O mergulho é um ponto alto, pela clareza das águas e a rica e variada fauna. Por isso, Cayman é um dos pontos mais visitados por mergulhadores do mundo todo. Perde apenas para as Bahamas. As águas têm temperatura média de 30°C e visibilidade de 30 metros, e uma grande riqueza de cavernas, canyons, corais e paredões. É possível mergulhar muito próximo de moreias, tartarugas e tubarões, mas o maior destaque fica por conta da colônia de arraias. Pode se nadar, alimentá-las e até pegar uma carona no seu nada lento e elegante. Oranje Canyon toma seu nome das abundantes esponjas de cor laranja. A saber: em Cayman estão as as maiores esponjas do mundo, da espécie esponja-barril, que podem chegar a três metros de altura. Há também naufrágios e uma supreendente granja especializada na criação de tartarugas marinhas.

Pequena Cayman está se tornando mais conhecida, e por isso um destino turístico mais frequentado, mas mesmo assim é bastante tranquila e relaxada. A menor das três ilhas possui um dos melhores pontos do mundo para o esporte: o Bloody Bay Wall. Esse enorme paredão submerso é revestido por um recife de coral de formidável visibilidade, além de possuir uma rica diversidade espécies aquáticas. A fauna terrestre do local não fica para trás. Para se ter uma ideia, há mais iguanas que homens e a maior população de aves Sula Sula do Caribe fica na ilha. Com uma natureza exuberante, Cayman Brac é a mais bela e rústica do arquipélago. Suas paisagens oferecem muito mais que bons points para mergulho. Ultimamente, as formações rochosas do local vêm atraindo escaladores de todo mundo e se desejar simplesmente caminhar, trilhas podem ser percorridas na reserva ambiental de Brac Parrot.

veja também