Diária em hotéis no Rio de Janeiro é a segunda mais cara do mundo

Diária em hotéis no Rio de Janeiro é a segunda mais cara do mundo

Atualizado: Terça-feira, 18 Outubro de 2011 as 11:45

Entre agosto de 2010 e 2011, o preço das diárias dos hotéis cariocas subiu 32,93%, a maior alta contabilizada no mundo. Segundo o levantamento realizado pelo site Hotel.info, no oitavo mês de 2010, as diárias dos hotéis custavam R$ 315,89, enquanto no mesmo período deste ano, o valor era de R$ 419,90, tornando o Rio de Janeiro a cidade com a segunda diária de hotel mais cara do mundo.

Se comparado ao mês de julho deste ano, a alta foi de 6,92%, considerando que o preço da diária era de R$ 392,71.

De acordo com o ranking, o primeiro lugar entre as diárias mais caras do mundo pertente à cidade de Nova York, nos Estados Unidos, que apresentou aumento de 12,84% em um ano. Em agosto deste ano as diárias custavam R$ 433,22, enquanto no mesmo período de 2010 o valor era de R$ 383,92.

A terceira posição foi de Zurique, na Suiça, com aumento de 29,91% na base comparativa anual. No oitavo mês deste ano, as diárias custavam R$ 417,95, enquanto no mesmo período de 2010, o preço era de R$ 321,70. Se comparadas ao mês de julho deste ano, as diárias tiveram redução de 0,91%.

O Japão, representado por Tóquio, teve aumento de 15,97% em um ano e ficou na quarta posição. Em agosto deste ano, as diárias custavam R$ 408,61, enquanto no mesmo período do ano passado, as diárias eram de R$ 352,35. Em julho deste ano, quem se hospedou na cidade, teve que desembolsar R$ 395,86 por diária.

O quinto lugar ficou para Moscou, na Rússia, com diárias de R$ 372,28 em agosto deste ano. Se comparado ao mesmo período de 2010, quando as diárias eram de R$ 302,68, o valor subiu 22,99%. No mês de julho deste ano, as diárias eram de R$ 383,92.

Ranking

Entre as dez diárias mais caras, no mês de agosto deste ano, aparece na sexta posição a cidade de Londres (R$ 360,38), seguida por Singapura (R$ 358,78), Sidney (R$ 343,39), Seul (R$ 331,2) e Hong Kong (R$ 316,82), que tiveram aumento no preço das diárias de 17,92%, 12,93%, 15,06%, 10,08% e 31,86%, respectivamente, em relação a agosto de 2010.

No levantamento, entre as vinte diárias mais caras do mundo, além do Rio de Janeiro, a América Latina também foi representada por Buenos Aires, que figura a 13ª posição. Em agosto deste ano, uma diária na região custava R$ 233,43.

Entre as vinte diárias mais caras do mundo, Xangai (15ª) foi a única localidade que teve redução no preço na comparação com o ano passado, com recuo de 1,74% no valor.

Também aparecem no ranking cidades como Amsterdã, Paris, Madrid, Berlim, entre outras, como é possível ver na tabela abaixo:

Posição Cidade Agosto de 2011* Agosto de 2010* Variação (%) 1 Nova Iorque R$ 433,22 R$ 383,92 12,84 2 Rio de Janeiro R$ 419,90 R$ 315,89 32,93 3 Zurique R$ 417,95 R$ 321,70 29,91 4 Tóquio R$ 408,61 R$ 352,35 15,97 5 Moscou R$ 372,28 R$ 302,68 22,99 6 Londres R$ 360,38 R$ 305,60 17,92 7 Singapura R$ 358,78 R$ 317,68 12,93 8 Sidney R$ 343,39 R$ 298,46 15,06 9 Seul R$ 331,20 R$ 300,87 10,08 10 Hong Kong R$ 316,82 R$ 240,27 31,86 11 Amsterdã R$ 396,46 R$ 262,02 13,14 12 Paris R$ 295,17 R$ 232,88 26,75 13 Buenos Aires R$ 233,43 R$ 204,54 14,12 14 Viena R$ 222,52 R$ 196,80 13,08 15 Xangai  R$ 215,08  R$ 218,89 -1,74 16 Roma R$ 209,44 R$ 181,83 15,19 17 Lisboa R$ 190,88 R$ 183,19 4,19 18 Varsóvia R$ 186,43 R$ 165,35 12,74 19 Madrid R$ 179,08 R$ 148,04 20,97 20 Berlim R$ 179,06 R$ 165,10 8,45

veja também