Encantadora, Edimburgo mantém suas tradições inalteradas

Encantadora, Edimburgo mantém suas tradições inalteradas

Atualizado: Segunda-feira, 12 Julho de 2010 as 10:01

Uma terra de surpresas. A primeira delas, bastante agradável, é perceber que, ao contrário do que ocorreu com o País de Gales, a Escócia soube manter inalterados seus valores e tradições, guardando distância da Inglaterra, apesar de politicamente subjugada a ela. Mais do que isso, seus ícones culturais tornaram-se, provavelmente, os mais conhecidos do Reino Unido, como o kilt, a tradicional saia escocesa (para homens), a gaita de foles e o whisky, entre outros semblantes folclóricos. Sua paisagem, urbana e rural, está entre as mais belas da Europa.

Em Edimburgo e Glasgow concentra-se a maior parte de sua população. A maioria dos turistas também se destina a essas cidades, particularmente Edimburgo, que é absolutamente encantadora. A Escócia dos sonhos, porém, você encontra no interior, repleto de lagos, castelos, ilhas e colinas - o cinematográfico cenário das Highlands. Talvez por tudo isso seja um dos povos mais simpáticos da Europa - que você vai perceber ainda que não entenda o seu inglês (e provavelmente não vai entender!).

A capital da Escócia, com 470 mil habitantes, é considerada uma das cidades mais bonitas do Reino Unido - com total justiça. Dentre as boas impressões que marcam Edimburgo, destacam-se o castelo, as ruelas da Old Town (uma viagem à Idade Média, ainda que muitas edificações sejam dos séc.17 e 18) e os sons da gaita de foles vindo de algum lugar, criando a atmosfera perfeita do astral escocês.

De imediato percebe-se que já estamos a uma distância razoável da Inglaterra - no entanto, é apenas uma noite de viagem de Londres. Edinburgh, como é chamada em inglês, oferece também uma boa variedade de museus (muitos gratuitos) e diversos festivais no verão.

veja também