Estrada Real: a saborosa rota mineira dos queijos finos

Estrada Real: a saborosa rota mineira dos queijos finos

Atualizado: Segunda-feira, 24 Agosto de 2009 as 12

O famoso queijo de minas, fresquinho e inevitavelmente casado com doce de leite ou goiabada, todo mundo já conhece. Mas o menu mineiro vai muito além. Gorgonzola, roquefort, gruyère e uma listagem de queijos finos são produzidos em São João del Rei e outras cidades mineiras ao longo da Estrada Real.

No Caminho Velho, partindo de Parati em direção a Ouro Preto e passando por São Vicente de Minas, Carrancas, Madre de Deus de Minas e São João del Rei, estão os principais laticínios de queijos finos do estado.

São produzidos queijos azuis, como o gorgonzola, roquefort, chamois bleu e crem'azur, os de casa branca, como o camembret, brie e chamois d'Or, passando pelos de tipo suíço, como o gruyère, pelos suaves, como o gouda, itálico, saint- paulin e lou paou e pelos de sabor forte, como o port salute parmesão e chavroux.

Somente em São João Del Rei, são quase 40 laticínios. Desde o século 18, quando a então vila encabeçava a produção da antiga comarca do Rio das Mortes, a cidade já era a principal fornecedora de queijos da capitania das Minas Gerais.

Já em 1931, São João exportava mais de 500 quilos de queijos e recebeu o apelido na região de São João del Rei dos Queijos.

O laticínio Vitória, que tem seu ponto de venda no distrito de São Sebastião da Vitória, vende queijos tipo prato bola, gouda, estepe e provolone.  O Trem de Minas oferece gruyère, gouda, provolone e gorgonzola.

Já o camembert e o gorgonzola são produzidos nos laticínios São Vicente, em São Vicente de Minas, e vendidos no comércio em geral da cidade.

Em meio a uma boa prosa, o jeito é passar o tempo aproveitando para saborear um saboroso pedaço de queijo intercalado com uma dosinha de cachaça.

Caminho Velho

Em todo seu percurso a Estrada Real possui 1.605 quilômetros e passa por quase 180 municípios. Além dos atrativos históricos, a gastronomia tem sido um dos pontos fortes do caminho.

O Caminho Velho, do qual as cidades produtoras de queijo fazem parte, começa em Parati e segue até a cidade histórica de Ouro Preto, passando por 41 municípios e distritos.

Postado por: Felipe Pinheiro

veja também