Estrangeiros que visitam o Rio de Janeiro gastam US$ 90 por dia

Estrangeiros que visitam o Rio de Janeiro gastam US$ 90 por dia

Atualizado: Terça-feira, 6 Outubro de 2009 as 12

Os turistas estrangeiros que visitam o Rio gastam em média US$ 90,1 por dia, segundo dados divulgados pela Embratur (Instituto Brasileiro de Turismo). Levando em consideração que o tempo médio de permanência de cada turista é de 15,5 dias, o gasto total atinge US$ 1.396,55.

Segundo o instituto, 44,6% desses visitantes vão ao Rio de Janeiro em busca de sol e praia. Em segundo lugar está o segmento de cultura, com 22,1%, seguido por ecoturismo, com 20,6%, e esportes, com 6%.

A principal motivação do turista que escolhe a capital para uma viagem é o lazer (53,1%), seguido por negócios, eventos e convenções (28,5%). Entre os que mais visitam a cidade, estão os americanos, que representam 22,5%, os franceses (8,1%), os argentinos (6,9%), os ingleses (5,8%) e os chilenos (4,9%).

Por causa da realização dos Jogos Olímpicos em 2016 no Rio de Janeiro, o número de turistas em todo o Brasil deve crescer entre 10% e 15%, comparado ao que será registrado em 2015. Para dar uma ideia do montante que isso pode representar, a Embratur lembra que, em 2008, dados do BC (Banco Central) revelaram um ingresso recorde de dólares no País, totalizando US$ 5,785 bilhões, 133% a mais do que em 2003.

Além disso, os investimentos e obras gerados deverão impulsionar o setor, especialmente com turistas de negócios. "As Olimpíadas vão proporcionar uma exposição e promoção não só da cidade, mas de todo o Brasil no exterior. Será um ganho incalculável para o nosso turismo e a nossa economia no longo prazo", afirmou o ministro do Turismo, Luiz Barretto.

Já a presidente da Embratur, Jeanine Pires, lembrou que, além das Olimpíadas, o Brasil também sediará a Copa do Mundo de 2014. "A realização dos Jogos Olímpicos, antecedidos por uma Copa do Mundo de Futebol, além de um enorme legado de infraestrutura que tem impacto direto no turismo, significará pelo menos quatro anos de uma mega campanha publicitária, que transformará a imagem do País. É uma grande oportunidade de promoção, e vamos mostrar ao mundo que, além de belas praias, diversidade cultural e natural, temos também infraestrutura para nos consolidarmos como um dos grandes destinos de eventos internacionais do mundo", ressalta.

As informações são do site "Info Money Pessoal".

Os turistas estrangeiros que visitam o Rio gastam em média US$ 90,1 por dia, segundo dados divulgados pela Embratur (Instituto Brasileiro de Turismo). Levando em consideração que o tempo médio de permanência de cada turista é de 15,5 dias, o gasto total atinge US$ 1.396,55.

Segundo o instituto, 44,6% desses visitantes vão ao Rio de Janeiro em busca de sol e praia. Em segundo lugar está o segmento de cultura, com 22,1%, seguido por ecoturismo, com 20,6%, e esportes, com 6%.

A principal motivação do turista que escolhe a capital para uma viagem é o lazer (53,1%), seguido por negócios, eventos e convenções (28,5%). Entre os que mais visitam a cidade, estão os americanos, que representam 22,5%, os franceses (8,1%), os argentinos (6,9%), os ingleses (5,8%) e os chilenos (4,9%).

Por causa da realização dos Jogos Olímpicos em 2016 no Rio de Janeiro, o número de turistas em todo o Brasil deve crescer entre 10% e 15%, comparado ao que será registrado em 2015. Para dar uma ideia do montante que isso pode representar, a Embratur lembra que, em 2008, dados do BC (Banco Central) revelaram um ingresso recorde de dólares no País, totalizando US$ 5,785 bilhões, 133% a mais do que em 2003.

Além disso, os investimentos e obras gerados deverão impulsionar o setor, especialmente com turistas de negócios. "As Olimpíadas vão proporcionar uma exposição e promoção não só da cidade, mas de todo o Brasil no exterior. Será um ganho incalculável para o nosso turismo e a nossa economia no longo prazo", afirmou o ministro do Turismo, Luiz Barretto.

Já a presidente da Embratur, Jeanine Pires, lembrou que, além das Olimpíadas, o Brasil também sediará a Copa do Mundo de 2014. "A realização dos Jogos Olímpicos, antecedidos por uma Copa do Mundo de Futebol, além de um enorme legado de infraestrutura que tem impacto direto no turismo, significará pelo menos quatro anos de uma mega campanha publicitária, que transformará a imagem do País. É uma grande oportunidade de promoção, e vamos mostrar ao mundo que, além de belas praias, diversidade cultural e natural, temos também infraestrutura para nos consolidarmos como um dos grandes destinos de eventos internacionais do mundo", ressalta.

As informações são do site "Info Money Pessoal".

veja também