Guia mostra como os alemães são divertidos e festeiros

Guia mostra como os alemães são divertidos e festeiros

Atualizado: Quinta-feira, 12 Maio de 2011 as 9:11

A Alemanha foi palco de grandes acontecimentos da história mundial. Alguns não são agradáveis de serem lembrados, mas todos eles foram importantes para a organização geopolítica do mundo atual.

Além deste retrato histórico, o país oferece uma vasta agenda cultural e paisagens belíssimas para quem gosta de aproveitar a natureza. "Key Guide Alemanha" ajuda o viajante a organizar a sua estada, selecionando as atividades que mais o agradam.

Dividindo a Alemanha por regiões, mostra o que cada uma tem a oferecer de melhor, além da história e cultura locais. As cidades de Berlim e Munique aparecem em destaque, com mapas do metrô e do centro de cada uma.

Um dos eventos mais conhecidos e concorridos é a Oktoberfest, que ocorre no mês de outubro e é dedicada à famosa produção de chop do país.

Veja dois eventos relacionados à bebidas que ocorrem na Alemanha:

Os alemães adoram se divertir. De todos os estereótipos sobre a Alemanha, a imagem de uma nação séria e cheia de angústia existencial é a mais distante da realidade. A sociedade alemã possuiu um traço profundamente convencional, mas ele é mais que contrabalançado por um interesse igualmente forte pela criatividade, contracultura e diversão pura e simples. Em Berlim, o cabaré foi convertido em forma de arte, a música techno ganhou sua primeira parada e distritos inteiros são conhecidos por seus estilos de vida "alternativos". Em todo país, o ano é entremeado por grandes festivais populares que são tão animados hoje quanto sempre foram. Nessas festanças anuais, milhares de pessoas comuns vestem fantasias e deixam sua imaginação rolar solta em eventos que muitas vezes remetem a contos de fadas e lendas pagãs. Seja frequentando clubes com os DJs mais em moda na Europa, seja valsando ao som de bandas de cidades pequenas, os alemães acreditam em aproveitar a vida ao máximo. Reality shows, game shows e comédias povoam a programação da TV, e o senso de humor nacional é vivo e forte (embora às vezes seja incompreensível para quem não fala alemão).

Estamos aqui para tomar cerveja

Ela é a maior das festas da cerveja: 16 dias de canecas transbordando espuma, parques de diversão e concertos. A Oktoberfest de Munique começou em 1810 como festa do casamento do futuro rei Luís e tornou-se a maior festa anual do mundo, com 6 milhões de visitantes passando por 14 grandes tendas de cerveja na capital bávara. As festividades são inauguradas em meados de setembro com a chegada de carruagens de cervejarias, puxadas por cavalos, muita pompa e a abertura de um barril de cerveja. Nas duas semanas seguintes, um concerto folclórico, uma parada espetacular a fantasia e shows com bandas típicas servem de desculpa para o consumo de ainda mais cerveja - 6 milhões de litros são tomados até o primeiro domingo de outubro, quando a cidade volta ao normal e as seis cervejarias de Munique contabilizam seus lucros.

Fazendo um brinde

Na Alemanha, schnaps é um termo geral que indica qualquer tipo de bebida forte que aquece você por dentro. Um sexto de todas as destilarias alemãs de schnaps fica na região de Freiburg, em sua maioria em fazendas da Floresta Negra. Um edito religioso antigo concedeu aos fazendeiros da Floresta negra o direito de produzir seus próprios schnaps, e a regra vale até hoje. As fazendas com direito a destilar bebidas podem produzir e vender localmente até 350 litros por ano. Quando uma destilaria cai em desuso, não pode ser reativada, e não são outorgadas novas concessões. O melhor schnaps da Floresta Negra é o de cerejas (o célebre Kirrsch), mas também há ótimas variedades de ameixas roxas (Pfümli) e de peras Williams (Williams).

O schnaps é servido em doses pequenas (200 ml), mas, aberta a garrafa, a bebida vai perdendo seu sabor, de modo que o melhor é compartilhá-la com amigos.

  Key Guide Alemanha

Autor : AA Publishing

Editora : Publifolha

Páginas : 432

Quanto : R$ 85,00

Onde comprar : Pelo telefone 0800-140090 ou pelo site da Livraria da Folha      

veja também