Guia para curtir forró

Guia para curtir forró

Atualizado: Segunda-feira, 13 Dezembro de 2010 as 11:07

O forró é um dos ritmos mais populares do país, caminhando lado a lado com o samba. Desde 2005, ele ganhou um dia especial no calendário: 13 de dezembro. Não por coincidência, o mesmo dia em que nasceu o Rei do Baião, Luiz Gonzaga, em 1912, na cidade de Exu, Pernambuco.

Para não deixar o Dia Nacional do Forró passar em branco, mapeamos os maiores points do Brasil. De Aracaju a São Paulo, bares, restaurantes e casas noturnas apostam no arrasta pé para animar as noites. Escolha o seu e sacuda a poeira do chão.

ARACAJU

Restaurante e Casa de Show Cariri

Endereço: Avenida Santos Dumont, Passarela do Caranguejo - S/N - Orla da Atalaia. Telefone: (79) 3243-5370. Horário: todos os dias, a partir das 10h. Preço: o que for consumido no local.

À beira da praia, em plena Passarela do Caranguejo, ponto turístico e de lazer da capital sergipana, o Restaurante e Casa de Show Cariri é arejado e espaçoso. Dois salões (um deles em forma de terraço) são ocupados por mesas, onde é possível almoçar ou provar petiscos ao som de bandas de forró.

As bandas se apresentam no primeiro salão, mas podem ser vistas do segundo, mais interno. Nos fundos da casa, há o salão oficial do forró, climatizado e palco de festas que entram madrugada adentro.

BRASÍLIA

Ispilicute

Endereço: Cota Mil Iate Clube - SCES Trecho 2 Lote 11. Telefone: (61) 8442-3155. Horário: às sextas-feiras, das 20 às 3h. Preço: até 22h, R$ 10; após as 22h, mulheres R$ 15 e homens R$ 20.

Criado em 2006, o Forró Ispilicute nasceu quinzenal, mas logo passou a ser semanal, acontecendo todas as sextas-feiras. A balada é pioneira em combinar aula de dança, equipe de dançarinos, serviço de chapelaria, apresentações culturais e shows de artistas locais e nacionais.

O Ispilicute segue um roteiro semanal: às 20h toca música ambiente; às 20h30 começa a aula de forró; às 21h ocorre a apresentação do DJ Lêu; às 22h30 é a hora do show de forró ao vivo, com bandas variadas; meia-noite é o momento dedicado às comemorações; 1h volta o show de forró ao vivo; e, finalmente, às 2h30 o DJ Lêu se apresenta até 3h, quando a casa fecha. Em 2010, a comemoração do Dia do Forró no Ispilicute está marcada para 17 de dezembro, com apresentação da Família Virgulino.

CAMPINA GRANDE

Vila Forró e Spazzio

Endereço: Avenida Argemiro de Figueiredo, 681 – Catolé. Telefone: (83) 3337-3737. Horário: varia conforme a atração. Preço: também de acordo com a atração.

São duas casas de show, dirigidas pela mesma empresa de produção de eventos. A Vila Forró tem jeitinho de cidade, com ruas, praças e até um coreto típico de cidade do interior. Point durante o período junino, a vila fica a apenas a cinco quilômetros do centro de Campina Grande.

A casa de show Spazzio, por sua vez, tem 20 anos de existência e capacidade para abrigar até 16 mil pessoas, dois palcos, 206 mesas, 66 camarotes, seis camarotes especiais e bares. O lugar conta ainda com estacionamento próprio. Entre os artistas que já fizeram shows por lá estão grandes nomes, não apenas do forró: Roberto Carlos, Julio Iglesias, Ray Connif, Fagner, Chico Buarque e Caetano Veloso.

FORTALEZA

Pirata

Endereço: Rua dos Tabajaras, 325. Telefone: (85) 4011-6161. Horário: segunda-feira, das 20h às 4h, em média. Preço: R$ 35 por pessoa.

Localizado na badalada Praia de Iracema, o Pirata Bar é famoso, há mais de 20 anos, por promover a segunda-feira mais animada do Brasil. O bar, aliás, só funciona às segundas-feiras. Com uma decoração temática, que leva o visitante a uma nau pirata do século 17, com bonecos gigantes e uma vila nordestina, o bar fica lotado e é garantia de animação para quem gosta de forró.

A programação do bar é fixa, com apresentações da Banda do Pirata e da Banda Pé de Chinelo. Do Pirata, o baladeiro de plantão ainda tem à disposição uma bela vista da Ponte dos Ingleses (Ponte Metálica) e da beira-mar de Fortaleza.

JOÃO PESSOA

Golfinho Bar e Restaurante

Endereço: Rua Arthur Monteiro Paiva, s/n – Praia do Bessa. Telefone: (83) 3245-1978. Horário: das 9h até de madrugada. Durante a semana, tem apresentação musical de voz e violão. Às sextas, sábados e domingos, tem banda de forró, a partir das 22h. Preço: R$ 5 por pessoa de couvert artístico.

Famoso por sua animação, ao som do forró, o Golfinho possui três unidades: duas na Praia do Bessa e uma na Praia do Jacaré. Além do forró animado aos finais de tarde, todos estão localizados à beira da praia. Os amantes do forró devem marcar presença no Golfinho às sextas, sábados e domingos, quando bandas de forró tocam a partir das 22h. A festança vai até altas horas da madrugada.

MACEIÓ

Casa de Forró Lampião

Endereço: Avenida Álvaro Otacílio, 47 –Jatiúca. Telefone: (82) 3325-4376. Horário: às terças, quintas, sextas e sábados, a partir das 20h. Preço: R$ 5 por pessoa, se for em carro próprio, e R$ 8 por pessoa, se for na van do Lampião (incluído o transporte de ida e volta até o hotel, entrada e couvert).

Muito procurada por turistas, a Casa de Forró Lampião oferece até traslado de ida e volta para quem está em hotéis da capital alagoana. A primeira van busca os turistas às 20h30 e o retorno para os hotéis começa a partir das 23h50.

Mas a noite vai muito além deste período. As portas abrem às 20h e o show de forró tem início às 21h. Às 22h40 começa um show de humor. E mais forró. Após uma pausa, uma nova apresentação: trata-se da Boneca Maluca, que dança om os turistas. E não para por aí: tem mais banda de forró até aproximadamente às 2h da madrugada.

NATAL

Rastapé

Endereço: Rua Aristides Porpino, 2.198 – Ponta Negra. Telefone: (84) 3219-0181. Horário: quartas, sextas e sábados, a partir das 22h. Preço: R$ 10.

A decoração é bem rústica e colorida. O som é feito pela batida da zabumba, pelo toque do triângulo e pelo choro alegre da sanfona. Esse é o Rastapé, uma das baladas mais animadas de forró em Natal.

O Rastapé oferece salão de dança e cinco bares, espalhados por três ambientes diferentes (abertos e fechados). O local tem capacidade para receber aproximadamente mil pessoas. Todos os dias, a programação conta com quatro atrações. No bar, mais de 30 tipos de cachaça, além de cervejas geladas.

RECIFE

Sala de Reboco

Endereço: Rua Gregório Júnior, 264, Cordeiro. Telefone: (81) 3228-7052. Horário: quintas, sextas e sábados, a partir das 22h. Preço: R$ 12 por pessoa.

Inaugurada em 1999, a Sala de Reboco, localizada em um belo sobrado do bairro do Cordeiro, é considerada uma das melhores casas de forró do Brasil. A programação, com shows de quinta a sábado, é voltada exclusivamente ao autêntico forró pé-de-serra.

Muitos nomes importantes já passaram pelo palco da Sala de Reboco, e continuam marcando presença por lá. Entre eles, Dominguinhos, Amelinha, Arlindo dos 8 baixos, Nando Cordel, Genival Lacerda e Luiz Homero. O palco á uma atração à parte, enfeitado com tecidos de xita e painéis com paisagens sertanejas.

RIO DE JANEIRO

Asa Branca Espaço Cultural

Endereço: Avenida Mem de Sá, 17 – Arcos da Lapa. Telefone: (21) 2224-5848. Horário: sexta e sábado, a partir das 22h. Preço: varia conforme o evento. Em média, R$ 15 para mulher e R$ 25 para homem. No sábado, todos entram de graça até meia-noite.

Funciona em um anexo da tradicional Pizzaria Guanabara e já foi palco de apresentações de grandes nomes da música popular brasileira. Hoje em dia, tem shows de forró que começam às 23h. O espaço, decorado com quadros do artista plástico Amaury Menezes, também é local de exposições, lançamento de livros e point de encontro do público que frequenta a Lapa. Lá também funcionam um salão de sinuca e uma whiskerya.

Às sextas-feiras, a programação conta com o Baião Granfino, criado com o objetivo de homenagear Luiz Gonzaga e sua obra. Aos sábados, a programação de forró conta com show de duas bandas, DJ e telão.

SÃO LUÍS

Com Certeza Bar e Restaurante

Endereço: Avenida São Luís Rei de França, 400, Turu. Telefone: (98) 3226-3304. Horário: quintas e sábados, das 22h30 às 3h. Preço: R$ 15 por pessoa.

O ambiente é típico de balada e a programação tem sempre shows de bandas de forró ao vivo. Fica um pouco afastado do centro da capital maranhense, a aproximadamente 12 quilômetros, mas fica sempre lotado. Funciona também como bar e restaurante.

SÃO PAULO

Canto da Ema

Endereço: Avenida Brigadeiro Faria Lima, 364 – Pinheiros. Telefone: (11) 3813-4708. Horário: quartas, quintas e sextas, a partir das 22h30; sábados, das 16 às 21h, e a partir das 22h30; domingos, das 19 à meia-noite. Preço: R$ 14 para mulher e R$ 20 para homem (preço da inteira quarta, quinta, domingo e sábado à tarde – aceita meia entrada para estudantes); R$ 16 para mulher e R$ 23 para homem (preço da inteira sexta, sábado à noite e véspera de feriado – aceita meia entrada para estudantes).

A programação é bem variada e está sempre à disposição no site do Canto da Ema. Entre as atrações que se revezam por lá: Trio Virgulino, Bicho de Pé, Trio Sabiá e Trio Dona Zefa. Nos intervalos das bandas, o público escuta o melhor das músicas de Luiz Gonzaga, João do Vale, Jackson do Pandeiro, Dominguinhos, Trio Nordestino e Elba Ramalho.

O local atrai um público jovem, fã do forró universitário na capital paulista. Quem quiser aprender os passos da dança, pode participar de uma aula oferecida ali, às quintas e aos sábados, das 20h30 às 21h30, e aos domingos, das 17 às 18h. Mulheres pagam R$ 8 e homens, R$ 11, por aula (pagamento somente em dinheiro). As pessoas que participam das aulas têm desconto de 50% no preço do ingresso e não ficam na fila.

TERESINA

Água de Chocalho

Endereço: Avenida Nossa Senhora de Fátima, 1.439. Telefone: (86) 3232-2506. Horário: segundas, quartas, quintas, sextas e sábados, a partir das 19h30. Preço: é cobrado R$ 10 por pessoa, caso haja permanência de, pelo menos, meia hora após o início do show.

Uma mistura de bar, restaurante e espaço cultural que ganha cada vez mais destaque em Teresina, capital do Piauí. Animada pelo ritmo do forró e de MPB, a programação do Água de Chocalho conta com shows ao vivo de artistas locais, regionais e nacionais, com exceção da quarta-feira, quando funciona apenas como bar e restaurante. Nos demais dias, os shows começam por volta das 22h. O dia oficial do forró é sexta-feira.

A cultura nordestina está presente não apenas no som, mas na decoração. Paredes, mesas, bancos ou “tamburetes” estão por todos os lados, coloridos e enfeitados. O Nordeste também é reverenciado no cardápio da casa, que oferece bebidas, caldos, petiscos e pratos principais. Destaque para a carne de sol, escondidinho de carne de sol e galinha caipira, típica do Piauí.

* Valores pesquisados em dezembro/2010 e sujeitos a alterações

** consulte os restaurantes, bares e casas de show para saber a disponibilidade de vagas, possíveis taxas extras e formas de pagamento

veja também