Interlocutores estaduais conhecem os resultados da Caravana Brasil

Interlocutores estaduais conhecem os resultados da Caravana Brasil

Atualizado: Segunda-feira, 5 Outubro de 2009 as 12

Representantes de vários estados conheceram nesta segunda-feira (05) os resultados da edição 2008/09 da Caravana Brasil, projeto do Ministério do Turismo (MTur), em parceria com o Sebrae e a Associação Brasileira de Operadoras de Viagem (Braztoa), que incentiva a comercialização de produtos turísticos brasileiros. Os dados foram apresentados pela coordenadora geral de Eventos e de Apoio à Comercialização do MTur, Jurema Camargo Monteiro, em Brasília, durante o primeiro dia 14º Encontro Nacional de Interlocutores do Programa de Regionalização do Turismo.

Mais de 400 agentes de viagem e cerca de 90 operadores de turismo participaram das caravanas, que partiram de várias partes do País. Ao todo, foram realizadas 21 viagens técnicas para 20 estados: Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Rio de Janeiro, Espírito Santo, Minas Gerais, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Acre, Pará, Tocantins, Bahia, Paraíba, Sergipe, Pernambuco, Rio Grande do Norte, Paraíba, Ceará e Piauí, além do Distrito Federal.

Nas viagens destinadas aos agentes de viagem, foram registradas 2.016 inscrições de agências de viagem oriundas dos estados de São Paulo, Minas Gerais, Paraná, Rio de Janeiro, Bahia, Goiás, Santa Catarina, Rio Grande do Sul e Espírito Santo, além do Distrito Federal. Destes, 408 foram selecionados para participar das viagens técnicas do projeto. Já as operadoras de turismo somaram 516 inscrições e, após a seleção, foram contemplados 93 operadores de 44 diferentes empresas.

Outro dado importante da edição do programa é a constatação de que 36,5% da oferta de novos destinos e produtos visitados já estão inseridos nos portfólios das operadoras participantes. Durante as viagens técnicas com operadores de turismo, foram realizados sete encontros de negócios (com a participação de 125 fornecedores locais) e, nas viagens com agentes e operadores, 12 encontros de conhecimento.

Concepción Martin, dona de uma agência de viagens de São Paulo, diz que a participação no projeto foi uma experiência inovadora. “Foi a primeira vez que eu tive a oportunidade de viajar com intuito de ser turista, conhecer os pontos turísticos da cidade e, ao mesmo tempo, com os olhos de uma profissional”. Já Izabel Matos, que é representante de outra agência paulista, garante: “A gente acaba voltando muito mais apaixonado pelo destino. Isso se reverte em vendas e na satisfação do cliente, quando ele chega à minha mesa para comprar e faço ele se apaixonar por aquele destino tanto quanto eu quando fui lá”.

A Caravana Brasil é uma iniciativa do Ministério do Turismo, em parceria com o Sebrae, executada pela Associação Brasileira de Operadoras de Viagem (Braztoa).

veja também