Las Leñas: Esqui para todos os níveis

Las Leñas: Esqui para todos os níveis

Atualizado: Quarta-feira, 23 Setembro de 2009 as 12

Escola de esqui: o complexo oferece um ótima escola de esqui e snowboard com mais de 100 professores especializados dando aulas coletivas ou particulares para pessoas dos 3 aos 77 anos em todos os níveis de aprendizado no esqui.

Lazer: Las Leñas oferece muito lazer e entretenimento aos seus visitantes. No complexo, é possível encontrar vários restaurantes servindo os mais diversos pratos da culinária internacional, piscinas, jacuzzi, sauna, sala de massagens, jardins, sala de ginástica e sala de jogos para crianças. A infra-estrutura de lazer varia de acordo com a opção de hospedagem e só pode ser utilizada pelos seus hóspedes.

Meios de elevação: são 13 meios de elevação ao todo, com cadeiras duplas e quádruplas que podem transportar mais de 9.000 esquiadores por hora a uma distância de até 13km. Desde a base partem 4 meios e os demais se espalham por todas as pistas do complexo.

Pistas de Esqui e Snowboard: Las Leñas é hoje o maior centro de esqui da Argentina, com as pistas mais altas do país, chegando a 3.430 metros de altitude e com um desnível de 1.200 metros. São 24 pistas para todos os níveis de esquiador num total de 65km. Para o Snowboard, existem saltos e halfpipes instalados na base das pistas.

40% expert

25% avançado

30% intermediário

5% principiante

Dicas

Ligações para o Brasil: para realizar chamadas a cobrar, utilize os códigos da Argentina: 0800 9995500 ou 0800 9995503 da Telefônica, ou 0800 5555500 da Telecom, depois escolha o idioma no qual deseja ser atendido e por último escolha uma das opções de ligação:

1- Ligações automáticas;

2- Ligações com cartão telefônico;

3- Ligações com auxílio de operador.

Segurança: escolha as pistas de acordo com o seu nível de prática. Existem diversas pistas para os mais variados níveis, de fácil a difícil. Siga sempre o mapa de pistas e respeite as normas de segurança e sinalização das pistas.

Visto: para brasileiros não é necessário visto para entrar no país.

Equipamentos específicos para Esqui:

- ROUPAS: uma peça (macacão) ou duas (jaqueta e calça). Devem ser totalmente à prova de água e vento. Existem tecidos modernos que isolam o corpo, preservam a temperatura interna e facilitam a ventilação.

- LUVAS: um dos acessórios mais importantes. Existem na versão com dedos separados e aquelas que só tem um espaço separando o polegar. O importante é que sejam bem quentes, IMPERMEÁVEIS, e que o punho seja longo e possa ser bem ajustado para impedir que a neve entre. Para quem sente muito frio, o ideal é usar ainda uma luva de fleece por baixo.

Meias: atualmente exploram materiais que preservam o calor e facilitam a ventilação, impedindo que os pés transpirem e fiquem úmidos. Além de quentes, devem ser anatômicas e com proteções para as diferentes partes e articulações dos pés, reduzindo a chance de lesões. Existem meias específicas para a prática de esqui que podem ser adquiridas em lojas especiais, mas uma boa meia de caminhada já é suficiente.

- BOTAS: se você já é um esquiador relativamente freqüente, as botas são o primeiro equipamento mais caro que se deve comprar. O par de botas precisa estar bem confortável e adaptado aos pés, o que facilita muito a vida do esquiador. Vale a pena alugar uma bota de qualidade superior e pagar um pouco mais caro. Experimente vários modelos. As botas podem ser ajustadas e em geral, é necessário palmilha. Para alugar, procure alugar em lojas próximas às pistas, pois caso tenha que trocar, será fácil.

- ESQUIS: os mais largos são bons para neve bem fofa e esqui fora de pista. Os mais estreitos, com margens bem afiadas, são bons para esquiar em pistas duras e cobertas de gelo. Há também esquis para corrida e manobras radicais. Se você não for especialista, vale optar por esquis mais versáteis, que se adaptam bem a qualquer terreno. Como no caso das botas, vale a pena alugar esquis de qualidade superior e pagar um pouco mais caro.

- BASTÕES (poles): ajudam o esquiador a aprimorar sua técnica, em especial na hora de fazer as curvas e impor um ritmo. Para saber se o tamanho está correto, segure o bastão e apóie a ponta no chão. A flexão do braço deve ficar num ângulo de 90º.

Capacete: deve sempre ser usado, por questão de segurança. Por fora, deve ser rígido e por dentro, deve estar preparado para absorver e reduzir um eventual impacto. Use um gorro por baixo, para esquentar.

- ÓCULOS DE ESQUI (googles): protegem a região dos olhos do vento, do frio e do sol (escolha um com proteção UVA e UVB) e melhoram bastante a visibilidade. Imprescindível! Óculos de sol não servem quando tem neblina, está nevando ou faz frio.

Obs.: Para quem não possui equipamentos ou roupas específicas, há locais para aluguel ou compra no próprio centro de esqui, ou se preferir, pode adquirir na loja Rossignol, a única especializada em esqui no Brasil. Endereço: Rua Brigadeiro Luís Antônio, 1343 - 5º andar - Fone: 3177-6664. Lembramos que as promoções não encontram-se no site, somente na loja. Visite: www.rossignol.com.br .

veja também