Ministro destaca momento positivo do turismo brasileiro em reunião do Conselho Nacional

Ministro destaca momento positivo do turismo brasileiro em reunião do Conselho Nacional

Atualizado: Sexta-feira, 25 Setembro de 2009 as 12

O ministro do Turismo, Luiz Barretto, abriu nesta quinta-feira, 24 de setembro, a 26ª Reunião do Conselho Nacional de Turismo (CNT), em Brasília (DF). Ele destacou os recentes indicadores do setor e ressaltou o bom momento vivido pela economia brasileira, uma das primeiras a dar sinais de recuperação após a crise mundial. Segundo Barretto, o País tem reforçado sua importância internacional e o turismo se beneficia com esse posicionamento.

''O Brasil está em um cenário de notícias positivas e o turismo segue essa tendência. De junho a julho tivemos um aumento de 25% no número de desembarques na aviação doméstica, e de julho pra agosto, de 23%, em um mês tradicionalmente de baixa temporada. Isso demonstra que o conjunto de políticas e as parceiras firmadas por todos nós aqui do Conselho estão no caminho certo'', afirmou Barretto. O acumulado de janeiro a agosto deste ano é de 35 milhões de passageiros desembarcados, um recorde dos últimos 40 anos.

O ministro lembrou ainda a viagem recente à França e ao Japão, quando se encontrou com autoridades e investidores do setor. ''Há a percepção de que o turismo brasileiro está forte e está crescendo. Os bons resultados estão atraindo investidores e promovendo a qualidade do nosso produto turístico''. Ele destacou os resultados de alguns projetos do Ministério do Turismo (MTur), como o dos 65 Destinos Indutores do Desenvolvimento Turístico Regional e o BrazilNow. O programa, que foi lançado em maio para estimular viagens turísticas ao Brasil vindas das Américas do Sul e do Norte, agora é permanente e também inclui a Europa.

Luiz Barretto também falou sobre o impulso que o turismo brasileiro receberá com a Copa do Mundo de 2014 e com a possível escolha do Rio de Janeiro como cidade-sede dos Jogos Olímpicos de 2016. A decisão do Comitê Olímpico Internacional será divulgada no dia 2 de outubro, em Copenhague (Dinamarca). O Rio concorre com Tóquio, Madri e Chicago.

''Estamos todos torcendo para que o Rio de Janeiro seja a eleita. Quanto à Copa do Mundo, o Executivo e o Legislativo já organizam uma agenda para que o setor turístico esteja bem preparado. O BNDES, por exemplo, deve lançar até dezembro novos mecanismos de financiamento para a modernização do nosso parque hoteleiro. O Ministério da Fazenda deve começar ainda este ano o debate tributário para a Copa. Estaremos bem preparados para aproveitar esta oportunidade única para o turismo brasileiro'', disse o ministro.

A 26ª Reunião do Conselho Nacional de Turismo acontece no Centro de Eventos e Convenções Brasil 21.

veja também