MuBi: Um Museu Dedicado à Bíblia

MuBi: Um Museu Dedicado à Bíblia

Atualizado: Quinta-feira, 31 Janeiro de 2008 as 12

Resultado de uma parceria entre a Sociedade Bíblica do Brasil (SBB) e a Prefeitura Municipal de Barueri (SP), o Museu da Bíblia (MuBi) é o primeiro do país e um dos maiores do mundo em sua especialidade. Numa área de 900 m², integrada a um Centro de Eventos, o MuBi reúne uma Biblioteca, com mais de 17 mil títulos. Totalmente interativa, sua área de exposição conta a história da tradução da Bíblia para a língua portuguesa e a influência da Palavra de Deus na formação da civilização ocidental.

No princípio era apenas um sonho. Ao longo de mais de 50 anos, entretanto, a Sociedade Bíblica do Brasil (SBB) reuniu um acervo magnífico e levou adiante o que já se mostrava como vocação natural: colocar tudo à disposição da comunidade, promovendo educação e cultura por meio das Escrituras Sagradas. Uma parceria com a Prefeitura Municipal de Barueri, na Grande São Paulo, tornou realidade o Museu da Bíblia, inaugurado em 9 de dezembro de 2003.

Por volta do início dos anos 80, a Sociedade Bíblica do Brasil deu os primeiros passos no sentido de ter um museu dedicado ao Livro Sagrado, com a instalação de um pequeno espaço na cidade do Rio de Janeiro. Porém não atendia às expectativas. Para chegar ao formato atual, a equipe da SBB foi buscar inspiração no que havia de mais moderno em termos de museu em países como Alemanha, Escócia e Estados Unidos.

O MuBi é o primeiro do Brasil e um dos maiores do mundo em sua especialidade, devido à variedade de espaços e de documentos expostos. Seu objetivo é promover o conhecimento da Bíblia, enfatizando seus vários aspectos: culturais, éticos e religiosos.

O MuBi nasceu sob a marca do pioneirismo, não só por seu valor histórico mas também por sua concepção, que seguiu o conceito de arquitetura inclusiva. Assegurando total acessibilidade a portadores de deficiências, seu projeto aboliu escadas e incluiu rampas de acesso aos ambientes. Os móveis são adequados para usuários de cadeiras de rodas e também foram providenciadas agendas em braile e painéis interativos, garantindo atrações para todos os tipos de público. O MuBi também abriga uma loja de lembranças - Bíblias, publicações especiais e linha de produtos de acordo com os temas expostos nos diversos ambientes -,

cuja arrecadação é revertida para sua manutenção.  

Inaugurada em 17 de outubro de 2006, a Biblioteca do MuBi reúne um acervo com mais de 17 mil obras relacionadas às Escrituras Sagradas. Ocupando uma área de 225 m2, é a maior do gênero do Hemisfério Sul igualando-se em importância à Biblioteca da Universidade de Cambridge, na Inglaterra, instalada por iniciativa das Sociedades Bíblicas Unidas. Foi implantada com o objetivo de disponibilizar a Bíblia em todos os idiomas para os quais já foi traduzida e se tornar um centro de referência de novas traduções.

Na Biblioteca do MuBi podem ser encontrados exemplares da Bíblia em mais de mil línguas, além de obras raras e acadêmicas, entre as quais se destacam a Bíblia Hebraico-latim, de 1546; a Bíblia Sacra Vulgata, edição de 1669; e Histórias das Línguas - The Bible House, de 1911.

Para compor esse acervo tão diverso, a SBB recebeu cerca de 10 mil publicações das Sociedades Bíblicas Unidas (SBU). Essas obras estavam guardadas na Sociedade Bíblica Americana, em Nova Iorque.

Além da Bíblia em diversos idiomas, o acervo é formado por outros itens, entre os quais, livros, periódicos, áudios, vídeos, CDs e fotos, sempre focados no assunto principal: a Bíblia. Há, ainda, obras de Teologia e de literatura devocional, assim como material de referência bíblica, tais como dicionários, enciclopédias, concordâncias e crítica textual.

O MuBi funciona de terça-feira a domingo, das 9h às 17h, com entrada gratuita. O Museu da Bíblia também conta com monitores treinados para receber os mais diferentes públicos: crianças, adultos, terceira idade, deficientes visuais e escolas, entre outros. Visitas em grupos devem ser agendadas previamente pelo telefone:

(11) 4168-6225.

veja também