Resort de Ubatuba cria projeto para preservar aves da região

Resort de Ubatuba cria projeto para preservar aves da região

Atualizado: Quarta-feira, 10 Novembro de 2010 as 1:57

O Itamambuca Eco Resort, em Ubatuba, litoral norte de São Paulo, criou o projeto ecológico "Aves do Itamambuca Eco Resort", buscando a preservação das aves locais. Para isso, o estabelecimento procura fazer a devida divulgação da rica diversidade da região de mata atlântica, via webcam e painéis.

De acordo com levantamento coordenado por Carlos Rizzo, especialista em aves de Ubatuba, é possível avistar cerca de 500 espécies diferentes de aves brasileiras na região, dentre as mais de 1.700 espécies avistáveis no Brasil --muitas delas raras e endêmicas, ou seja, vivem apenas em uma região específica.

No resort, inserido numa área de 100.000 m² (10 hectares) já foram observadas e catalogadas mais de 200 espécies de aves, o que significa mais de 20 espécies por hectare.

Segundo o Itamambuca, poucos lugares do mundo atingem essa marca, e uma vantagem local é a facilidade de observação, muitas vezes sem a necessidade do uso de binóculos ou outros equipamentos.

Comedouro com aves saíra-de-lenço, bem comuns no Itamambuca Resort, em Ubatuba; webcam mostra local ao vivo on-line

WEBCAM E PLACAS

Entre as ações que o Itamambuca realiza para chamar a atenção às aves locais, está uma webcam instalada próxima a um dos comedouros do resort. O internauta pode observar on-line o local e, se der sorte, visualizar as aves que se alimentam ali.

O acervo fotográfico organizado pelo Itamambuca Eco Resort pode ser visto pelos hóspedes e visitantes nos painéis de identificação instalados em vários pontos do resort, contendo a foto e informações de várias aves, tais como o nome, tamanho, hábitos alimentares, se é de fácil observação e outras curiosidades.

A maior parte desses painéis pode ser visto no percurso da Trilha dos Guaiamuns, uma trilha suspensa de 400 metros de extensão, construída com madeira de eucalipto de reflorestamento, que começa próximo à recepção do resort, terminando no rio Itamambuca, onde há um mirante.

Entre as aves fotografadas estão o tiriba, beija-flor rajado, surucuá-grande-de-barriga-amarela, tucano-de-bico-preto, pica-pau-de-cabeça-amarela, tié-sangue, entre outros.

Muitas se destacam pelas cores exóticas e facilidade de observação. O pássaro tié-sangue, por exemplo, de cor vermelha; ou a saíra sete-cores, com sua exuberante mistura de tonalidades, são um grande atrativo do local.

Já a mariquita (Parula pitiayumi) é uma ave muito arisca e foi fotografada recentemente nos comedouros do resort.

Ubatuba é palco anualmente, em outubro, do encontro Ubatuba Birds, que reúne observadores de aves de vários lugares do mundo, para um grande festival de observação das aves que frequentam a região.

veja também