Roteiros para quem quer paz no Réveillon

Roteiros para quem quer paz no Réveillon

Atualizado: Quarta-feira, 8 Dezembro de 2010 as 2:15

Revéillon nem sempre é sinônimo de badalação, muitas festas e champanhe para todo lado. Se você é do tipo que gosta de sossego e paisagens absurdas sem deixar de lado a comodidade, confira os roteiros que selecionamos para quem quer encontrar a paz na virada do ano.

Atacama – Chile

O deserto do Atacama, no Chile, é uma região inóspita que surpreende. Além de múmias, vulcões e locais que mais se assemelham a terrenos lunares, o local é um paraíso para os astrônomos – e também os que querem muito sossego.

Confira um roteiro aqui  

Los Roques – Venezuela

Quer passar um dia somente com um guarda-sol, bebidas e petiscos e a companhia que você adora? Então corra para Los Roques, o paraíso azul da Venezuela.&S232;&S232;Praias de areias branquinhas são banhadas por águas cor fluor que se apresentam desde a chegada. Tudo é incrível: do sol que desce no mar redondo e vermelho aos mimos das pousadas e bares.

Saiba mais aqu i

Chapada dos Veadeiros – Goiás

Paisagens, águas transparentes e uma biodiversidade de impressionar. É isso – e muito mais – que Chapada dos Veadeiros, em Goiás, oferece a seus visitantes.&S232;&S232;A pouco mais de 200km de Brasília, a chapada tem altitude media de 1300m. Essa configuração geográfica proporciona inúmeras quedas d’água perfeitas para refrescar o calor da região.

Confira um roteiro aqui  

Parque de Ibitipoca – Minas Gerais

O Parque Estadual de Ibitipoca, a 3 km da Vila de Conceição do Ibitipoca, é um capítulo à parte em Minas Gerais. &S232;&S232;Com águas vermelhas que despencam no nada, enormes grutas geladas, paisagens de cair o queixo e fauna e flora exóticas, o local deve ser visitado com calma.

Saiba mais aqui  

Península do Maraú – Bahia

A baiana península do Maraú surpreende logo de chegada. A grande extensão de terra, que começa nas proximidades de Itacaré, junto ao rio das Contas, é o início da Costa do Dendê para quem vem do sul. As águas são tão tranquilas quanto o ritmo local. É um lugar para chegar, estirar na areia e não pensar em mais nada.

Saiba mais aqui  

veja também