Saiba como reconhecer um dólar falso

Saiba como reconhecer um dólar falso

Atualizado: Quinta-feira, 1 Janeiro de 2009 as 12

Para comprar dólares para uma viagem, é recomendável que a transação seja feita em um banco ou em uma instituição confiável. No entanto, reconhecer cédulas falsas no ato da aquisição fica mais fácil se você possuir uma nota autêntica para comparações e conhecer algumas especificações do dólar:

Papel

A impressão é calcográfica, por isso há um relevo facilmente perceptível ao tato. Quando a cédula parecer encerada, com certeza ela é falsa. A textura da cédula autêntica é grossa e áspera.

Cor

Na nota autêntica as cores vivas e brilhantes são combinadas com alguns tons pálidos, gerando fortes contrastes. Nas falsificadas, todas as cores são pálidas.

Marcas

Existem três marcas que diferenciam as cédulas autênticas:

a) Os fios prateados que aparecem na parte da frente da cédula são vistos, com o auxílio de uma lupa, como uma linha. Nas cédulas falsas esses fios são feitos com tinta metálica e vistos como pontinhos separados.

b) As fibras ou os fios da cor de café, que são misturados à pasta de papel legítimo, mas que não estão presentes nas notas falsas.

c) A marca d'água, que produz diferenças de textura no papel e que, contra a luz, permite ver uma imagem. Os falsificadores procuram imitar esta técnica usando cera ou tintas.

Aparência

Os números de série e as bordas devem estar claramente impressos, as linhas devem ser firmes e os espaços milimetricamente exatos. Nas cédulas falsas, os algarismos aparecem separados irregularmente e as linhas não se distinguem claramente.

veja também