Saiba como ver filmes de graça na Mostra de São Paulo

Saiba como ver filmes de graça na Mostra de São Paulo

Atualizado: Quinta-feira, 20 Outubro de 2011 as 10:22

Não ter dinheiro não é desculpa para deixar de ir às sessões da Mostra de São Paulo 2011. Várias salas têm entrada gratuita todos os dias. Verdade que os filmes não são necessariamente os mais procurados, mas há ótimas opções e a chance de conhecer obras do mundo inteiro. Isso driblando o preço dos ingressos, que é bem próximo do praticado nas salas comerciais, de R$ 14 a R$ 18.

É possível assistir a filmes de graça no Museu da Imagem e do Som - MIS, no Centro Cultural São Paulo (CCSP) e na Faap. O Cine Olido, por sua vez, cobra uma taxa simbólica: R$ 1.

No MIS, por exemplo, dá para ver boa parte da retrospectiva de Elia Kazan, um documentário sobre a obra de Sergei Paradjanov, tema de uma exposição no museu, e longas esperados como "Submarino" e "Late Bloomers", com Isabella Rossellini e William Hurt.

O mesmo vale para as outras salas, sendo que na Faap não raro as projeções são seguidas de debate.

Também existe um projeto específico para estudantes do Ensino Médio, o Festival da Juventude. Para entrar no cinema, basta apresentar a carteirinha comprovando a matrícula e ter a partir de 14 anos. Entre os filmes selecionados estão "O Palhaço", de Selton Mello, o indiano "O Som do Amor" e o documentário brasileiro "Malditos Cartunistas".

Além disso, o Vão Livre do Masp, com sessões ao ar livre, marcadas para as 19h30, oferece em plena avenida Paulista filmes que marcaram ou foram sucesso em edições passadas da Mostra. É o caso, por exemplo, de "Você Vai Conhecer o Homem do Seus Sonhos", de Woody Allen, "Lope", aventura histórica na Espanha dirigida pelo brasileiro Andrucha Waddington, e o terror de sueco "Deixa Ela Entrar".

Consulte a programação completa no   site da mostra

veja também