São Paulo: rota de compras

São Paulo: rota de compras

Atualizado: Sexta-feira, 12 Março de 2010 as 12

A maior cidade do Brasil tem ruas que são o verdadeiro sonho dos consumistas de plantão, com grande variedade de produtos e preços convidativos. Cada vez mais, turistas de outros Estados e até dos países vizinhos visitam São Paulo com um objetivo único: comprar.

Turista já é famoso por gastar dinheiro. São Paulo tem atraído muitos visitantes que têm no ato de comprar o principal objetivo da viagem. A maior cidade do Brasil tem um roteiro de compras que tem despertado o interesse de pessoas de outros Estados e até de alguns países vizinhos.

A variedade de produtos é muito grande, afinal, a cidade tem 42 ruas temáticas de comércio especializado. Vai desde produtos simples, com preços muito convidativos, até grifes famosas internacionalmente. Tem para todos os bolsos e disposição.

Siga a rota de compras na capital paulista e descubra por que São Paulo tem quase tudo a oferecer.

- 25 de Março

Rua de comércio popular mais famosa do Brasil, a 25 de Março fica no centro de São Paulo e faz jus à fama. Trata-se do maior shopping a céu aberto do Brasil. Além das lojas, de tudo um pouco, vários camelôs vendem os mais variados produtos nas calçadas. Por isso, não se espante se alguém gritar "olha o rapa!", avisando sobre a chegada da polícia, que de vez em quando aparece em busca dos vendedores ilegais. Os preços chegam a ser até 50% mais baratos que em outros centros comerciais da cidade, especialmente os shoppings. Em épocas festivas, como Natal e Dia das Crianças, a 25 de Março chega a receber mais de 1 milhão de pessoas. Os mais de 3 mil empreendimentos da rua e região geram um faturamento anual de cerca de R$ 16 bilhões. Mais informações no site da 25 de Março.

Como chegar: estação São Bento do metrô (linha azul).

- José Paulino

Popularmente conhecida como "Zepa", a rua José Paulino, no bairro do Bom Retiro, é mais voltada para roupas e confecções. As primeiras lojas da rua surgiram no começo do século 20: confecções e lojas de teares, já anunciando a tradição da região. A José Paulino funciona, em geral, em horário comercial normal. Uma dica é saber bem o tamanho da roupa que precisa comprar, levando uma peça de casa para fazer a comparação, porque a maioria das lojas não tem provador e não faz trocas.

Como chegar: estação Luz do metrô (linha azul).

- Brás

É preciso ter paciência, especialmente em épocas comemorativas que estimulam o consumo, como o Natal. Mas no Brás, o maior pólo de moda de São Paulo, essa paciência extra pode valer a pena. São mais de seis mil lojas, a maioria de roupas, com ofertas que fazem brilhar até olhos menos consumistas.

Como chegar: estação Brás do metrô (linha vermelha).

- Galeria do Rock

Rua 24 de Maio, 64 - Centro.

Telefone: (11) 3337-6277.

Ponto turístico no centro de São Paulo, a Galeria do Rock é também uma boa opção como local de compras. Lá tem de tudo um pouco, especialmente, claro, para os fãs de música e adeptos de um estilo alternativo. Discos raros, DVDs, roupas, sapatos, acessórios e muitos estúdios de tatuagem e piercing estão entre as atrações da Galeria. Se não quiser comprar nada, vale como passeio.

Como chegar: estação República ou Anhangabaú do metrô (linha vermelha).

- Oscar Freire

Aqui é preciso ter muito mais que uma graninha extra sobrando. Localizada no charmoso bairro conhecido como Jardins, a Rua Oscar Freire concentra as grifes mais famosas e caras do Brasil e do mundo. Entre elas estão a Diesel, Fórum, Osklen, H. Stern e Camper. Nas imediações, em ruas como Haddock Lobo e Bela Cintra, outras importantes grifes, como Christian Dior, Louis Vuitton, Giorgio Armani e Versace, também têm lojas.

Como chegar: estação Consolação do metrô (linha verde). Não é tão perto, mas basta descer a Rua Augusta sentido Jardins e, em cerca de 15 minutos, você estará na Oscar Freire. A estação Oscar Freire do metrô (linha amarela) ainda não foi inaugurada.

- Santa Ifigênia

Se o seu negócio são eletrônicos, você não pode deixar de ir à região da Santa Ifigênia, no centro de São Paulo. As ruas mais movimentadas e imperdíveis são Santa Ifigênia, Aurora, Vitória, dos Andradas e a Avenida Rio Branco. Na Passarela Santa Ifigênia fica a galeria Santa Ifigênia, onde os produtos são vendidos sem o valor fiscal. O comércio da região funciona de segunda a sexta-feira, das 8 às 18h, e aos sábados, das 8 às 13h. Aos domingos, é melhor consultar as lojas antes.

Como chegar: estação São Bento do metrô (linha azul). Você deve atravessar o Viaduto Santa Ifigênia.

- Feira da Liberdade

Já vale só pelo passeio. A Feira da Liberdade acontece aos sábados e domingos, das 10 às 19h. Além de vários expositores, que vendem desde peixes até roupas, sapatos e objetos de decoração (orientais ou não), a feirinha tem uma parte gastronômica disputada. Entre os destaques estão os yakissobas e os famosos doces assados de feijão. Além das barraquinhas, as ruas ao redor da feira, como Estudantes e Galvão Bueno, têm galerias com várias lojas que funcionam aos finais de semana.

Como chegar: estação Liberdade do metrô (linha azul).

- Shoppings

Shopping center não é novidade e as capitais do País têm os seus. Mas os fãs desse tipo de centro comercial, mais seguro e climatizado, podem se esbaldar em São Paulo. A capital paulista tem 76 shoppings, nos mais variados bairros.

Mais dicas de compras

Podem não fazer parte da rota tradicional de compras em São Paulo, mas alguns outros lugares também comercializam produtos específicos e são bem tradicionais na cidade. Outros merecem uma visita porque são simplesmente os melhores em suas categorias.

- Bancas de flores da Doutor Arnaldo

Na Avenida Doutor Arnaldo, em frente ao muro do Cemitério do Araçá, elas enfeitam a região movimentada com suas cores e beleza. No total são 23 bancas de flores e algumas funcionam 24 horas.

- Mercado Municipal

Rua da Cantareira, 306.

No Mercadão você pode comprar iguarias das mais variadas e ainda experimentar o delicioso sanduíche de mortadela, famoso na cidade e em todo o Brasil.

Livrarias

Muitas são as livrarias em São Paulo. Listamos as imperdíveis!

- Livraria Cultura

- Fnac

- Livraria da Vila

- Livraria Francesa

Brechós

Eles são muitos. O passado está sempre na moda na cidade mais cosmopolita do Brasil. Listamos os mais descolados!

- Varal do Beco

- Juisi by Licquor

- Vó Judith

- Déjà Ju

- Trash Chic: Rua Professor Carlos de Carvalho, 95, Itaim Bibi. (11) 3167-4331.

- Minha Avó Tinha: Rua Doutor Franco da Rocha, 74, Perdizes. (11) 3865-1759

Postado por: Felipe Pinheiro

veja também