Vendas de pacotes devem crescer em torno de 25% em julho

Vendas de pacotes devem crescer em torno de 25% em julho

Atualizado: Quarta-feira, 30 Junho de 2010 as 9:58

O brasileiro vai viajar mais nestas férias de julho do que no mesmo período do ano passado, quando o receio da gripe A fez com que muitos turistas ficassem em casa.

De acordo com a Braztoa (Associação Brasileira de Operadoras de Turismo), grande parte dos associados espera vendas 20% maiores do que no ano passado, sendo que alguns chegam a esperar uma alta ainda maior, o que fez com que a associação mantivesse a previsão de crescimento em torno de 25%.

"Mas é preciso levar em conta a temporada tímida em 2009, em razão da gripe H1N1, que prejudicou os destinos de neve na Argentina e no Chile", diz a associação.

Euro baixo

Entre os fatores que justificam o otimismo do setor, de acordo com a Braztoa, estão o dólar e o euro baixos, a economia brasileira em crescimento constante, o aumento do poder aquisitivo da população e melhores negociações com fornecedores.

A maioria dos associados afirmou que vem obtendo crescimento expressivo no primeiro semestre, com vendas entre 10% e 40% maiores.

Aspectos negativos que afetaram o setor neste período foram os aeroportos fechados na Europa, por conta da nuvem decorrente do vulcão na Islândia, e a oferta restrita de assentos em voos internacionais para alguns destinos.

Por: Flávia Furlan Nunes

veja também